Homepage

  • WSL anuncia abertura de todos os circuitos a novas ondas artificiais!!!
    09 novembro 2022
    arrow
  • Pro Junior, WQS e longboard tour poderão ter etapas fora do oceano…
  • A WSL anunciou esta terça-feira uma nova página na história do surf competitivo, ao alargar as provas em piscina de ondas artificiais a todos os circuitos. Além desta nova realidade de poder ter provas menores em piscinas de ondas, há ainda o desejo de explorar todo o tipo de tecnologias de ondas existentes.

    Dessa forma, está dado o aval para que provas do WQS, Pro Júnior ou o longboard tour aconteçam em piscina de ondas. Algo à semelhança do que já aconteceu no CT e que vai voltar a acontecer em 2023, com o circuito de regressa à famosa onda criado por Kelly Slater.

    “Estou entusiasmada com o potencial de crescimento do surf competitivo, agora que abrimos a porta à possibilidade de realizar provas da WSL em ondas artificiais ao redor do Mundo. Apesar de o oceano ser a nossa casa, acreditamos que a tecnologia pode desempenhar um papel importante no futuro do surf de competição”, frisou Jessi Miley-Dyer, responsável dos circuitos da WSL.   

    Apesar desta grande novidade, a WSL frisa que o Surf Ranch e a tecnologia da Kelly Slater Wave Company continua a ser o único local com certificado oficial e apto para receber provas do principal circuito. Ainda assim, está dado o passo para abrir os horizontes a novas tecnologias, quer seja Wavegarden, American Wave Machines ou a tecnologia utilizada no Surf Lakes.

    A partir da próxima temporada esta inovação já vai entrar em vigor, podendo existir provas destes circuitos distantes do oceano. Contudo, isto poderá levar as provas de surf até lugares menos habituais, como os Alpes suíços, por exemplo, onde a Wavegarden abriu a famosa Alaïa Bay.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram