Homepage

  • Regresso feminino a Teahupoo no arranque do Tahiti Pro
    17 agosto 2022
    arrow
  • Carissa Moore foi a surfista em maior destaque e garantiu a liderança mundial.
  • Foram somente quatro heats. Contudo, foi um marco, pois tratou-se do regresso das melhores surfistas do Mundo à pesada onda de Teahupoo. Esta terça-feira menos pesada que o habitual. Um dia curto, que serviu de ambientação e que acabou por ser de confirmação para Carissa Moore, que já sabe que vai chegar a Trestles como número um mundial.

    Depois de várias chamadas na véspera, a ação arrancou finalmente esta terça-feira, após novamente outras tantas chamadas. Isto quando tudo aponta para que os próximos três dias sejam os melhores, com ondas na casa dos 2 metros e vento offshore. Três dias que, neste novo formato, chegam perfeitamente para fazer toda a prova.

    Contudo, a organização decidiu colocar já a prova feminina na água. E a intenção passava por realizar também ronda de eliminação. Ideia abandonada após quatro heats e pouco mais de duas horas de ação. Só a WSL e os seus responsáveis saberão as razões desta opção, que em nada parece privilegiar o surf feminino e a igualdade que tanto dizem defender. Foi mais uma edição de “as mulheres entram quando não está tão grande”.

    Ainda assim, Carissa Moore, Caroline Marks e Stephanie Gilmore foram alguns dos nomes em destaque, provando que as mulheres também podem dominar Teahupoo. A elas juntou-se Courtney Conlogue como vencedora da ronda inaugural, bem acompanhada do já tradicional capacete de proteção. Menção ainda para a wildcard Vahine Fierro, que, mesmo sem passar à ronda 3, também deu espetáculo.

    Tudo começou com um triunfo de Stephanie Gilmore, seguindo-se a performance do dia, com Carissa Moore a somar 13,84 pontos, contra 11,73 de Fierro, que teria vencido qualquer um dos outros heats com este score. Já Gabriela Bryan assistiu num lugar privilegiado ao duelo incrível entre as duas adversárias. Depois, tudo piorou. Caroline Marks venceu a bateria 3 com um score de quase 10, enquanto Conlogue fechou as contas com um score de 7,77. E aí já não havia dúvidas que o melhor era mesmo parar.

    Assim, ficaram já definidos os duelos da repescagem, onde muita coisa está em jogo para revelar o top 5 final que vai a Trestles. Johanne Defay está bem posicionada para tal, mas terá de enfrentar Vahine Fierro na próxima ronda. Algo que dá esperanças às rivais mais diretas. No entanto, será o duelo entre Tyler Wright e Tatiana Weston-Webb que poderá definir melhor as contas do ranking.

    Depois deste “aquecimento”, esta quarta-feira vai ser mesmo a contar. O mar promete subir e os tubos deverão aparecer em força. Se tudo correr bem, serão três dias a fundo, de ondas incríveis para coroar os campeões da décima e última etapa da temporada regular do CT 2022 e, consequentemente, definir o top 5 final do ranking, que discutirá o título mundial em Trestles no próximo mês.

     Outerknown Tahiti Pro Women’s Opening Round 1 Results:
    HEAT 1: Stephanie Gilmore (AUS) 7.50 DEF. Brisa Hennessy (CRI) 5.60, Isabella Nichols (AUS) 2.67
    HEAT 2: Carissa Moore (HAW) 13.84 DEF. Vahine Fierro (FRA) 11.73, Gabriela Bryan (HAW) 1.63
    HEAT 3: Caroline Marks (USA) 9.50 DEF. Johanne Defay (FRA) 6.20, Tyler Wright (AUS) 3.80
    HEAT 4: Courtney Conlogue (USA) 7.77 DEF. Tatiana Weston-Webb (BRA) 7.44, Lakey Peterson (USA) 4.90

    Outerknown Tahiti Pro Women’s Elimaintion Round Matchups:
    HEAT 1: Johanne Defay (FRA) vs. Vahine Fierro (FRA)
    HEAT 2: Brisa Hennessy (CRI) vs. Gabriela Bryan (HAW)
    HEAT 3: Tatiana Weston-Webb (BRA) vs. Isabella Nichols (AUS)
    HEAT 4: Lakey Peterson (USA) vs. Tyler Wright (AUS)

    Outerknown Tahiti Pro Men’s Opening Round 1 Matchups:
    Heat 1: Italo Ferreira (BRA), Matthew McGillivray (RSA), Yago Dora (BRA)
    Heat 2: Ethan Ewing (AUS), Barron Mamiya (HAW), Kauli Vaast (FRA)
    Heat 3: Jack Robinson (AUS), Nat Young (USA), Michel Bourez (FRA)
    Heat 4: Filipe Toledo (BRA), Kelly Slater (USA),  Nathan Hedge (AUS)
    Heat 5: Griffin Colapinto (USA), Jordy Smith (RSA), Jadson Andre (BRA)
    Heat 6: Kanoa Igarashi (JPN), Caio Ibelli (BRA), Jackson Baker (AUS)
    Heat 7: Callum Robson (AUS), Samuel Pupo (BRA), Seth Moniz (HAW)
    Heat 8: Miguel Pupo (BRA), Connor O’Leary (AUS), Jake Marshall (USA)

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Outras Notícias Relacionadas