Homepage

  • Ondas de qualidade, nota 10 e eliminações surpreendentes no Oi Rio Pro
    24 junho 2022
    arrow
  • Brasileiros em destaque na repescagem, mas com o mais cotado a sair de cena.
  • A emoção e a alta performance regressaram, esta sexta-feira, em força ao Oi Rio Pro, com os melhores surfistas do Mundo a serem brindados com ondas de muita qualidade. Voltou a haver um pouco, com muito drama à mistura e os tubos a superarem os aéreos, desta vez. Entre uma nota 10 e uma grande superioridade dos brasileiros, o grande destaque foram algumas eliminações surpresas na ronda de repescagem, com destaque para Gabriel Medina.

    A prova masculina foi praticamente dominada pelos outsiders, com o primeiro heat da ronda 2 a mostrar logo o que aconteceria durante o resto do dia. Griffin Colapinto encontrou saída de um belo tubo, mas com dois aéreos o wildcard peruano Miguel Tudela atirou o norte-americano para casa. Depois de um triunfo em etapa, mais uma eliminação precoce para Colapinto, que tem na regularidade ainda o seu grande calcanhar de Aquiles.

    Depois, no heat 2, o grande momento do dia, com Caio Ibelli a fazer uma nota 10 memorável. O tubo não era dos maiores já vistos, mas compensou em comprimento. O brasileiro conseguiu superar aquilo que parecia ser impossível por mais que uma vez e imortalizou o momento que pode ser comparado ao famoso 10 de Sebastian Zietz em North Point. Qual o melhor e mais comprido? É complicado perceber, mas ambos foram surreais.

    Depois de Ibelli superar Jadson Andre, voltaram as surpresas, com mais um wildcard em grande. Desta vez, foi o brasileiro Mateus Herdy a atropelar Kanoa Igarashi, com os aéreos novamente em destaque, à medida que as ondas de Saquarema mostravam toda a sua versatilidade. Jordy Smith também se despediu de primeira, depois de perder frente a Nat Young. E foi por apenas 0,10 pontos que não aconteceu o mesmo a Ethan Ewing frente a João Chianca, que somou mais uma derrota inglória nesta temporada.

    Os brasileiros somaram o terceiro triunfo através de Samuel Pupo frente a Kolohe Andino. Contudo, a má notícia para a torcida veio com a eliminação de Gabriel Medina frente ao rookie Callum Robson. Quando todos pensavam que o duelo se ia decidir no ar, eis que o australiano carimbou um triunfo robusto, com muito rail à mistura, sem polémica possível e sem espinhas. Foram 15,57 pontos contra apenas 10,37 do Medina. Não há nada a reclamar, a não ser o facto de esta derrota praticamente tirar essa milagreira hipótese do campeão mundial terminar a fase regular no top 5.

    A fechar a ronda Matthew McGillivray bateu Jake Marshall e ajudou a definir os heats dos oitavos-de-final, onde os embates em maior destaque são os de Jack Robinson frente a Mateus Herdy, logo a abrir e Ethan Ewing contra Yago Dora mais para o fim da ronda. Se as condições se mantiverem desta forma, vai haver fogo-de-artifício nas rondas finais deste Oi Rio Pro.

    A abrir e a fechar o dia houve ação no feminino. Primeiro com a repescagem, onde Carissa Moore escapou à eliminação frente à wildcard Sol Aguirre por apenas 0,17 pontos. Quem já não conseguiu evitar a eliminação foi Stephanie Gilmore frente a Isabella Nichols. Tal como aconteceu a Brisa Hennessy frente a Tatiana Weston-Webb. No heat mais emocionante da ronda, Johanne Defay bateu Courtney Conlogue.

    Ao final do dia houve quartos-de-final e muitas decisões em jogo. Johanne Defay começou por bater Sally Fitzgibbons, marcando encontro nas meias-finais com a rookie havaiana Gabriela Bryan, que superou Lakey Peterson. Do outro lado do quadro competitivo, Carissa Moore elevou finalmente o nível para vencer Caroline Marks, enquanto Tatiana Weston-Webb deu mais uma razão para sorrir aos brasileiros ao superar Isabella Nichols. Agora, o destaque vai ser a luta entre Defay e Moore pela liderança do ranking.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram