Homepage

  • Afonso Antunes vice-campeão do Pro Júnior de Hossegor
    14 outubro 2021
    arrow
  • Portugal terminou o circuito com dois surfistas no top 5 masculino e uma no top 3 feminino…
  • Afonso Antunes sagrou-se, esta quinta-feira, vice-campeão do Pro Júnior de Hossegor, a terceira e última etapa do Pro Júnior Europeu de 2021. As ondas do sudoeste francês receberam um dia emotivo, onde os títulos europeus juniores estiveram em jogo, com dois portugueses na luta. Contudo, no final a festa acabou por ser a basca.

    Com a armada lusa a chegar ao dia final com sete representantes, três deles ficaram pelo caminho na ronda 2 masculina, disputada logo ao início da manhã. Com Afonso Antunes, Joaquim Chaves e Martim Paulino a seguirem em frente, Santiago Graça, Francisco Queimado e Francisco Ordonhas disseram adeus à prova gaulesa.

    Do lado feminino Kika Veselko cumpriu com as expectativas e aumentou as esperanças na luta pelo título depois de ter superado os quartos-de-final e de ter ajudado a eliminar a canária Lucia Machado, que chegou à derradeira etapa como líder do ranking. Perante este cenário, a recém-coroada campeã nacional precisava de chegar o mais longe possível e esperar que a basca Janire Gonzalez Etxabarri não avançasse muito mais na competição.

    Só que Kika caiu na fase seguinte, nas meias-finais, terminando a prova no 5.º posto e despedindo-se da luta pelo título. Já Etxabarri foi com tudo até final e acabou por ser a surfista mais forte da final de quatro, juntando o triunfo no evento ao título europeu júnior. Francisca Veselko, por sua vez, terminou a temporada num honroso 3.º posto do ranking.

    Do lado masculino as contas ficaram feitas assim que o basco Adur Amatriain começou a superar as rondas iniciais. Ainda assim, Joaquim Chaves, terceiro à partida para esta etapa, tinha ambições de chegar longe e atacar o vice-título europeu. Só que Quim Jó foi eliminado nos quartos-de-final, no mesmo heat em que Martim Paulino também saiu de prova.

    Restou à armada lusa Afonso Antunes que foi seguindo forte em prova, vencendo a sua bateria dos quartos-de-final e também das meias-finais. Apesar de ter chegado a França já sem hipóteses de chegar ao título europeu, o atual vice-campeão nacional procurava deixar uma boa imagem e conseguiu-o com o segundo lugar da final a quatro, depois de apenas ser batido pelo francês Sam Piter, relegando o espanhol Jacobo Trigo para o 3.º posto e o gaulês Mael Laborde para p 4.º lugar.

    Com este desfecho, Afonso Antunes ainda conseguiu uma subida ao 4.º posto do ranking, com Joaquim Chaves a fechar o top 5 final. Uma despedida positiva da armada lusa, num ano atípico em todos os circuitos. Isto quando a WSL que em 2022 este escalão será alargado até aos 20 anos, dando a possibilidade a estes surfistas nacionais de competirem, pelo menos, mais dois anos no Pro Júnior Europeu.

    European Men’s JQS Top 5:
    1 - Adur Amatriain (EUK)    
    2 - Sam Piter (FRA) 
    3 - Kai Odriozola (ESP) 
    4 - Afonso Antunes (PRT) 
    5 - Joaquim Chaves (PRT) 

    European Women’s JQS Top 5:
    1 - Janire Gonzalez Etxabarri (ESP)
    2 - Lucia Machado (CNY) 
    3 - Francisca Veselko (PRT) 
    4 - Aelan Vaast (FRA) 
    5 - Nahia Milhau (FRA) 

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram