Homepage

  • Cherif Fall, das pranchas velhas e partidas no Senegal ao sucesso no WQS
    25 agosto 2021
    arrow
  • O ano de 2021 começou da melhor forma, com o patrocínio da Billabong.
  • Foi com apenas 11 anos que começou a surfar, aproveitando pedaços de pranchas partidas para apanhar ondas na rica e desconhecida costa senegalesa. Agora, 13 anos depois, Cherif Fall afirmou-se como o líder de uma geração de surfistas senegaleses que demonstram talento e vontade de chegar cada vez mais longe, competindo com regularidade em provas europeias.

    Fall e companhia – como Sidy Camara, Ibra Samb ou Mbabu Gueye – têm aproveitado a conexão da ex-colónia com França para progredirem o seu surf e tentarem a sorte em provas do WQS. É isso que está a acontecer neste momento em Anglet, onde Cherif Fall tem dado nas vistas. No primeiro dia, o surfista senegalês venceu nada menos que três heats!

    O talento mas também o legado construído no Senegal valeu a Fall um patrocínio com a gigante Billabong, que se iniciou no início deste ano. Aos 24 anos, aquele que é considerado o melhor surfista senegalês da atualidade – e talvez o melhor africano se excluirmos os surfistas sul-africanos e os oriundos de Marrocos -, tem um futuro risonho pela frente. Começou a mostrar isso mesmo no arranque do QS europeus 2021/22.

    Dono de um surf com arsenal progressivo Cherif Fall foi um dos grandes destaques do arranque em Anglet. Começou por vencer o heat da ronda inaugural com um score de 9,60, num heat em que esteve na água com o jovem português João Maria Mendonça. Na ronda 2 novo triunfo, com um score de 10,43 e, por fim, na ronda 3, numa bateria em que o português Eduardo Fernandes foi segundo, o jovem senegalês foi o mais forte, com um score de 9,57.

    Depois de se ter estreado em provas da WSL em 2015, num Pro Júnior europeu, e de em 2017 ter feito a estreia no WQS em Casablanca, Marrocos, Fall está já a alcançar o melhor resultado da carreira em termos internacionais. E o sonho não termina aqui, pois na próxima ronda vai ter pela frente o francês e ex-top mundial Joan Duru, o português Afonso Antunes e ainda o jovem basco Hans Odriozola.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Outras Notícias Relacionadas