Homepage

  • Ítalo Ferreira: 'A derrota em Narrabeen afetou-me e estragou os meus planos para a perna australiana'
    07 julho 2021
    arrow
  • Apesar da polémica derrota diante de Conner Coffin, o atual campeão do mundo diz ter feito a 'melhor' perna australiana da sua carreira.
  • Depois da "ilha Gabriel Medina', Ítalo Ferreira é o melhor dos outros na ranking mundial do World Championship Tour (WCT) de 2021, ocupando por estes dias o segundo lugar a mais de 13 mil pontos do compatriota.

    Com seis eventos já disputados nesta temporada, tudo aponta para que em setembro Ítalo Ferreira vá defender o título mundial conquistado em 2019 na muito aguardada finalíssima de Trestles, na Califórnia.

    Numa fase em que prepara a histórica presença nos Jogos Olímpicos de Tóquio de 2021 e o WCT encontra-se parado até agosto, Ítalo foi convidado do conhecido programa brasileiro 'Série ao Fundo', tendo falado de diversos temas, entre os quais o balanço da perna australiana.

    Uma perna australiana que Ferreira considera ter sido a "melhor" desde que está no Mundial, mas que ficou marcada por um momento. "Fui para Austrália com o intuito de vencer duas etapas. Venci logo o primeiro campeonato em Newcastle, mas depois fiquei no nono lugar em Narrabeen. Esse foi um resultado que estragou os meus planos. Fui apanhado numa rasteira e isso acabou por afetar-me nos eventos seguintes", disse o da Baía Formosa numa clara alusão ao polémico heat diante do norte-americano Conner Coffin nos oitavos-de-final do Rip Curl Narrabeen Classic.

    Depois, o atual campeão do mundo obteve o quinto posto em Margaret River e o terceiro lugar na estreante etapa de Rottnest Island. "Quis continuar com as sensações que vinha a ter, mas as coisas não estavam a fluir", confidenciou.

    Nesta mesma entrevista, Ítalo Ferreira disse ainda que, tal como fizeram outros tops mundiais, ainda pensou estar ausente da etapa do Surf Ranch. "Pensei em não estar presente, pois sentia-me cansado e que não estava bem mentalmente. Estava com o 'saco cheio' e precisava de descanso", afirmou o atleta de 27 anos. 

    A verdade é que o surfista sul-americano viajou até à piscina de ondas artificiais desenvolvida por Kelly Slater, onde obteve a nona posição final.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Outras Notícias Relacionadas