Homepage

  • Jackson Baker e Kobie Enright vencem em Port Stephens
    23 fevereiro 2021
    arrow
  • Jovens australianos voltaram a mostrar alto nível de surf!
  • Terminou esta madrugada de terça-feira o Port Stephens Pro, segunda etapa do WQS 2021, que se disputou em Birubi Beach, Nova Gales do Sul. A festa foi, naturalmente, mais uma vez australiana, mas, desta vez, os vencedores foram Jackson Baker e Kobie Enright.

    Com os melhores jovens australianos em prova a luta foi grande no dia final, com muitos heats e pontuações bem altas. Baker esteve em grande forma no dia das decisões e varreu completamente a concorrência. Nos quarto-de-final bateu Dakoda Walters num super heat, que terminou com 15,95 contra 15,50 pontos, com uma onda de 9,35 pontos a fazer a diferença.

    Nas meias-finais Baker superou-se e com um score de 16,16 pontos bateu um dos grandes destaques na nova geração australiana, Liam O’Brien (13,43 pontos), que vinha de um grande triunfo nos quartos-de-final frente a Reef Heazlewood, vencedor da etapa inaugural, em Boomerang Beach.

    Na outra meia-final foi Jordan Lawler a dominar a ação, com um score de 18,50 pontos, que chegou e sobrou para eliminar Kalani Ball. Isto depois de ter passado por George Pittar nos quartos-de-final. A grande final prometia assim um duelo explosivo e, apesar de Lawler, que já tinha sido finalista vencido na etapa inaugural, chegar com mais balanço, a verdade é que foi Jackson Baker a vencer a etapa, com um score de 16,70 contra 14,30.

    Com este triunfo Baker somou a quinta vitória na carreira no circuito WQS, depois de em 2018 ter vencido três etapas, duas delas seguidas, ambas na Austrália, e outra na África do Sul. Aos 24 anos, e já com uma vasta experiência no WQS, onde ocupa o 46.º posto antes da interrupção das provas no ano passado, Baker posiciona-se como um dos candidatos a conseguir vaga na região australiana para as Challenger Series, na segunda metade da temporada.

    Já na prova feminina, a vencedora também foi uma cara conhecida das andanças do WQS. Depois de bater Piper Harrison nos quartos-de-final, Kobie Enright teve de superar nas meias-finais a jovem promessa India Robinson. Depois, no heat de todas as decisões enfrentou a experiente Philippa Anderson e acabou por vencer com 14,50 pontos contra 13,40 da rival.

    Este foi a terceira vitória de Enright, de 21 anos, no WQS, depois de ter conseguido vencer duas etapas seguidas na Austrália em 2018. A surfista de Coolangatta subiu assim ao 14.º posto do ranking WQS da região australiana, entrando na luta pelas vagas de acesso às Challenge Series.

    O ranking feminino continua a ser liderado por Bronte Macaulay, fruto dos resultados obtidos ainda em 2020, com a jovem Molly Picklum, vencedora em Boomerang Beach, a ocupar a 2.ª posição. Macy Callaghan fecha o pódio e a finalista vencida em Birubi Beach, Pilippa Anderseon, ocupa o 4.º posto, com Sophie McCulloch a completar o top 5.

    Já o ranking masculino sofreu algumas alterações. Apesar de Matt Banting, que não entrou neste evento, continuar na liderança, os jovens Reef Heazlewood e Liam O’Brien subiram ao segundo e terceiro posto, respetivamente, graças às performances nestes dois últimos eventos. Os tops do WCT Ryan Callinan, que é 4.º, e Julian Wilson fecham o top 5 do ranking. Enquanto isso, Jackson Baker aproveitou este triunfo para subir ao 11.º posto do ranking.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Outras Notícias Relacionadas