Homepage

  • Wiggolly Dantas vence Volcom Pipe Pro após final brasileira
    03 fevereiro 2020
    arrow
  • Com poucos surfistas a conseguirem passar a barreira dos 10 pontos no dia final, a Wiggolly bastou um score de 10,03 para segurar o troféu.
  • Foi para o Brasil mais um triunfo numa das mais importantes etapas do WQS, o Volcom Pipe Pro, que este ano passou a ter um estatuto de QS5000. Depois de não terem estado perto de subir ao pódio nos QS5000 da China e de Marrocos, os surfistas brasileiros mostraram todo o seu potencial numa das ondas mais temidas do Mundo, com o ex-WCT Wiggolly Dantas a levar a melhor.

    Após três dias marcados por ondas tubulares e com muita emoção à mistura, o dia final ficou marcado por condições um pouco marginais, sendo que Wiggolly acabou por fazer a diferença com o seu surf power e de rail. Isto depois de vencer uma final em que esteve na água com mais dois brasileira e apenas um havaiano, que se teve de contentar com o 4.º posto.

    Com poucos surfistas a conseguirem passar a barreira dos 10 pontos no dia final, a Wiggolly bastou um score de 10,03 para segurar o troféu, deixando João Chianca (7,83) no 2.º posto, Yago Dora (6,30) no 3.º posto e Seth Moniz (5,17) no 4.º posto.

    À procura de resultados de relevo desde que saiu do WCT em 2017, Wiggolly regressou assim à melhor forma, somando 5000 importantes pontos para o ranking do WQS. Este foi o segundo triunfo de Dantas no WQS e o primeiro desde 2014, quando venceu o Prime de Saquarema. Curiosamente, nesse ano fez a final do Volcom Pipe Pro, perdendo apenas para Kelly Slater. E no final da temporada garantiu a entrada no WCT…

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram