Homepage

  • Semana promete muitas ondas para o QS10000 da Ericeira
    24 setembro 2019
    arrow
  • Numa onda que se apresenta sempre bastante versátil e que funciona em praticamente todas as marés, a organização não deverá sentir problemas perante as previsões.
  • É já esta terça-feira que tem início o EDP Billabong Pro Ericeira, um dos campeonatos mais aguardados do ano. Este QS10000, o antepenúltimo da temporada, ganha importância extra por anteceder as provas havaianas e por poder já garantir algumas vagas para o WCT do próximo ano. E o espetáculo promete ser de alto nível, uma vez que as previsões indicam que ondas não vão faltar em Ribeira d’Ilhas!

    O mais histórico dos anfiteatros naturais do surf nacional tem assim tudo preparado para o começo da festa e até se poderá engalanar para os próximos dias. Esta terça-feira, o vento é fraco e já começa a entrar algum swell. Uma ondulação que vem de Oeste e que promete levar muitas ondas até à Ericeira.

    O pico deste primeiro swell é já na quarta-feira, onde se prevê que chegue a valores entre os 2,5 e os 3 metros. Na quinta-feira a ondulação desce ligeiramente para os 2 metros, subindo depois novamente na sexta-feira e sábado para perto dos 3 metros. Só ao final de sábado, início de domingo deverá começar a cair o swell, com o vento, que promete ser sempre norte, a baixar também aí de intensidade.

    Numa onda que se apresenta sempre bastante versátil e que funciona em praticamente todas as marés, a organização não deverá sentir problemas perante as previsões. E o tamanho do mar até poderá ser um ponto a favor dos surfistas portugueses, sempre mais habituados a ondas pesadas do que ao “metrinho” habitual nas etapas do WQS.

    Quem chega bem lançado a esta etapa é Frederico Morais, que acabou de vencer o QS6000 dos Açores. Kikas subiu ao 10.º posto do ranking, estando já em lugares de qualificação para o WCT 2020. E até pode conseguir já em Portugal o regresso à elite mundial, caso obtenha outro resultado forte, evitando adiar a qualificação para as arenas havaianas – onde historicamente também se dá bem.

    Quando a ação começar esta terça-feira, o jovem surfista local Henrique Pyrrait vai estar logo no primeiro heat do dia. Embora sem experiência nestas andanças, dificilmente alguém terá mais horas dentro de água em Ribeira d’Ilhas do que “Neco”. O outro wildcard local, Tomás Fernandes, assim como Frederico Morais e Vasco Ribeiro só entram em ação na 2.ª ronda.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram