Homepage

  • WSL prepara QS10000 num novo destino
    21 janeiro 2019
    arrow
  • Para já o nome do campeonato surge como México Pro e o local ainda não está definido. A prova surge apenas no calendário masculino.
  • Depois de uma temporada de 2018 bastante curta em termos de provas máximas do circuito WQS, eis que o calendário de 2019 parece bem mais generoso para os surfistas que ocupam o top 100 mundial e lutam pela qualificação para o WCT. A mais recente novidade é a entrada de um QS10000 no México para o calendário.

    Apesar de ainda não estar confirmada, esta prova surge no calendário ainda como provisória, para agosto – de 6 a 14 de agosto. Para já o nome do campeonato surge como México Pro e o local ainda não está definido. A prova surge apenas no calendário masculino, sendo que o circuito feminino já tem uma prova exclusiva no México: o QS6000 de Los Cabos.

    Resta agora perceber se a prova irá mesmo para a frente e onde se irá realizar – não esquecendo que nas semanas anteriores existe um QS1000 marcado para Acapulco. Los Cabos poderá ser uma hipótese, mas na memória dos amantes do surf de competição ainda está o palco do Rip Curl The Search 2006.

    Foi algures por Barra de La Cruz que os melhores surfistas do Mundo competiram em 2006, na saudosa etapa rotativa da Rip Curl, que três anos mais tarde viria parar a Portugal. Na altura, os tubos foram muitos e o surf de qualidade não faltou. Muito consideram que esta foi a melhor etapa de sempre do CT. E que bom seria voltar a este local com um QS10000… Aguardemos, então, as novidades.

    Caso se confirme o atual calendário, em 2019 poderão haver 6 etapas QS10000. A primeira, como já vem sendo hábito é o Ballito Pro, na África do Sul. Segue-se o US Open of Surfing, em Huntington Beach, o México Pro e o “nosso” EDP Billabong Pro Ericeira. Por fim, como também manda a tradição disputam os dois QS10000 havaianos, em Haleiwa e Sunset.

    Mas as entradas no calendário não se ficam por aqui. Esta semana surgiu mais um campeonato na Indonésia. Já eram 11, agora passam a 12. De 21 a 25 de abril, a ilha de Lombok vai receber o Mandalika Pro, um campeonato masculino com o estatuto QS1000.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Galeria