Homepage

  • Kikas abaixo do cut na estreia no Surf Ranch
    07 setembro 2018
    arrow
  • O surfista de Cascais tem, para já, como melhor nota na esquerda do Surf Ranch um 6,13, juntando-lhe um 6,10 na direita. Números que terão de ser melhorados na terceira e última run, no sábado.
  • Arrancou esta quinta-feira a muito aguardada oitava etapa do World Tour, o Surf Ranch Pro, disputada pela primeira vez na piscina de ondas criada por Kelly Slater. No primeiro dia de prova estiveram em ação apenas os surfistas da segunda metade do ranking, tanto no masculino como no feminino, sendo que o português Frederico Morais foi um dos que abriu as hostilidades.

    Inserido no último grupo de três surfistas a entrar em prova, Kikas foi competente, como já é seu apanágio, realizando três ondas idênticas, três na casa dos 6 pontos e uma na casa dos 5, o que lhe valeu apenas um lugar no top 12, entre os 18 surfistas que estiveram em ação. O score parcial de 12,23, deixou Frederico a mais de um ponto de se estabelecer no top 8 após este primeiro dia de ação.

    O surfista de Cascais tem, para já, como melhor nota na esquerda do Surf Ranch um 6,13, juntando-lhe um 6,10 na direita. Números que terão de ser melhorados na terceira e última run, que se disputa no sábado, de forma a tentar lutar por um lugar no top 8, que se qualifica para a grande final de domingo.

    Com os 18 primeiros surfistas do ranking ainda a aguardarem a estreia, a verdade é que Kikas deverá ainda descer mais posições. Embora ninguém fique afastado após estas primeiras duas runs, podendo perfeitamente inverter a situação com uma onda na última run, a verdade é que o português poderá ser um dos primeiros a competir no sábado, fruto da baixa posição na tabela.

    Até ao momento, pior que Kikas apenas estão Jesse Mendes, Michael February, Joel Parkinson, Hiroto Ohhara, Matt Wilkinson e Wiggolly Dantas. Apesar da prestação regular, nesta etapa será preciso tirar coelhos da cartola, o mesmo que dizer que Frederico terá de elevar as duas melhores ondas até bem perto dos 8 pontos, caso queira seguir em prova ou terminar bem posicionado.

    Isto porque ficou ontem a ser conhecido o formato da classificação final. Na realidade irá ser igual a todas as outras etapas, estando a classificação dividida pelo top 8, que vai à final, seguindo-se os 9.ºs classificados, que são os surfistas do 9.º ao 12.º lugar (equivalente a perder na 4.ª ronda), continuando com os 13.ºs, que vão até ao 24.º classificado (equivalente a perder na 3.ª ronda). Abaixo disso, pontuam como se não tivessem passado qualquer ronda.  

    Em relação à restante ação, o rei foi mesmo Kelly Slater. O “dono” da onda foi o segundo surfista do dia a competir e instalou-se logo na liderança, não saindo mais de lá. Kelly já tem mesmo uma nota de 8,50 pontos, numa direita, estando no primeiro posto com 14,57 pontos. Só os brasileiros Ian Gouveia e Tomas Hermes, 2.º e 3.º classificados, conseguiram também superar a fasquia dos 14 pontos.

    Num dia que se tornou algo aborrecido de acompanhar, sobretudo pela falta do talento dos principais nomes do Tour que só se estreiam hoje, apenas Seabass conseguiu, tal como Slater, uma nota na casa da excelência. O havaiano foi pontuado com 8,67 na sua segunda direita. Ainda assim, não conseguiu fechar o dia dentro do top 8.

    Já na prova feminina a ação aqueceu para o final, sobretudo com as prestações de Coco Ho e Sage Erickson, que terminaram o dia nas duas primeiras posições da classificação. A havaiana já conseguiu mesmo um registo que a pode colocar no top 4 final, depois de conseguir um score de 14,94 pontos – acima do de Slater. Erickson segue logo atrás, com 14,07.

    Após um dia inaugural que apesar das expectativas acabou por atrair poucas visualizações, uma vez que o máximo que se viu na prova masculina foi de 2.5 mil espectadores em simultâneo e na feminina o número nem chegou ao milhar, a prova segue agora para a segunda metade, onde já estarão em prova nomes como Filipe Toledo, Gabriel Medina ou Jordy Smith, esses, sim, capazes de inovar, acabar com o aborrecimento e atrair mais pessoas à transmissão.  

    Men’s Surf Ranch Pro Qualifying Round Leaderboard Top 8:
    1 - Kelly Slater (USA) 14.57
    2 - Ian Gouveia (BRA) 14.33
    3 - Tomas Hermes (BRA) 14.20
    4 - Yago Dora (BRA) 13.80
    5 - Joan Duru (FRA) 13.73 
    6 - Patrick Gudauskas (USA) 13.70
    7 - Connor O’Leary (AUS) 13.56
    8 - Adriano De Souza (BRA) 13.56


    Women’s Surf Ranch Pro Qualifying Round Leaderboard Top 4:
    1 - Coco Ho (HAW) 14.94
    2 - Sage Erickson (USA) 14.07
    3 - Courtney Conlogue (USA) 13.54
    4 - Paige Hareb (NZL) 13.00

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Galeria