Homepage

  • Tubos animam arranque em North Point
    13 abril 2018
    arrow
  • John John Florence foi o destaque do dia, com Matt Wilkinson e Owen Wright a serem os favoritos surpreendidos.
  • Arrancou esta sexta-feira o Margaret River Pro, a terceira etapa do World Tour 2018, que se disputa nas sempre exigentes ondas do Oeste australiano. Com a ação a iniciar-se ao início da tarde em North Point, só foi possível realizar-se metade da ronda inaugural masculina. Houve algumas tubaças, locais a surpreender e alguns favoritos a seguir em frente, como Julian, Medina, John John, Jordy ou Toledo. Só não houve Frederico Morais, que ainda não fez a estreia na etapa.

    Apesar de alguns momentos animados ao longo da tarde, este primeiro dia de prova em Margaret River foi exigente para os surfistas e contou com ondas bem pesadas. Houve tubos incríveis, mas com pouco consistência – quem pegava a onda do heat ganhava -, o que tornou a ação em algo semelhante a uma lotaria. E dessa lotaria não saíram vencedores Matt Wilkinson, derrotado por Keanu Asing, e Owen Wright, batido pelo local Jack Robinson, os dois tops seeds derrotados nas sete baterias disputadas.

    Os restantes favoritos foram completando as respetivas missões com relativo sucesso, sempre à base de uma receita que incluía um score alto, graças à bomba do heat, e um backup baixo. Até que entrou John John Florence na água para dar uma sapatada na crise. Com 14,60 pontos o bicampeão mundial em título conseguiu o melhor score do dia. Medina e Wilson fizeram metade, mas seguiram pelo mesmo caminho.

    O dia acabaria com um triunfo de Filipe Toledo em mar pesado. Poderia ser a chapada de luva branca nos críticos, que consideram ser esse o calcanhar de aquiles do brasileiro. Poderia… não tivesse sido essa uma séria candidata a pior bateria do ano. Toledo venceu com um score de 6,14 pontos. Era o sinal perfeito para terminar com a ação. Por realizar ficaram cinco heats, sendo que no penúltimo estará em ação Kikas – pensem positivo, com a prova a arrancar à meia-noite portuguesa, não terão de esperar muito para ver o guerreiro português em ação.

    Margaret River Men’s Pro Round 1 Results:
    Heat 1: 
    Keanu Asing (HAW) 10.70, Matt Wilkinson (AUS) 5.33, Connor O’Leary (AUS) 4.64
    Heat 2: Jordy Smith (ZAF) 12.17, Ian Gouveia (BRA) 10.67, Tomas Hermes (BRA) 2.54
    Heat 3: Jack Robinson (AUS) 13.94, Owen Wright (AUS) 4.03, Miguel Pupo (BRA) 2.40
    Heat 4: John John Florence (HAW) 14.60, Mikey Wright (AUS) 11.87, Wade Carmichael (AUS) 8.50
    Heat 5: Gabriel Medina (BRA) 10.16, Kael Walsh (AUS) 8.96, Joan Duru (FRA) 1.97
    Heat 6: Julian Wilson (AUS) 10.56, Jesse Mendes (BRA) 10.00, Dave Delroy-Carr (AUS) 3.40
    Heat 7: Filipe Toledo (BRA) 6.14, Conner Coffin (USA) 5.87, Michael February (ZAF) 2.57

    Margaret River Men’s Pro Remaining Round 1 Matchups:
    Heat 8: Adriano de Souza (BRA), Kanoa Igarashi (JPN), Yago Dora (BRA) 
    Heat 9: Adrian Buchan (AUS), Griffin Colapinto (USA), Willian Cardoso (BRA)
    Heat 10: Italo Ferreira (BRA),  Sebastian Zietz (HAW), Michael Rodrigues (BRA)
    Heat 11: Kolohe Andino (USA), Frederico Morais (PRT), Ezekiel Lau (HAW)
    Heat 12: Joel Parkinson (AUS), Michel Bourez (PYF), Patrick Gudauskas (USA)

    Margaret River Women’s Pro Round 1 Matchups:
    Heat 1:
     Sally Fitzgibbons (AUS), Silvana Lima (BRA), Coco Ho (HAW)
    Heat 2: Carissa Moore (HAW), Sage Erickson (USA), Bronte Macaulay (AUS)
    Heat 3: Stephanie Gilmore (AUS), Keely Andrew (AUS), Mikaela Greene (AUS) 
    Heat 4: Lakey Peterson (USA), Caroline Marks (USA), Paige Hareb (NZL)
    Heat 5: Tyler Wright (AUS), Tatiana Weston-Webb (HAW), Macy Callaghan (AUS)
    Heat 6: Johanne Defay (FRA), Nikki Van Dijk (AUS), Malia Manuel (HAW)

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Galeria