Homepage

  • McGonagle atinge a perfeição em Punta de Lobos
    09 outubro 2017
    arrow
  • Surfista costa-riquenha venceu o QS1500 disputado nas longas e pesadas esquerdas chilenas, alcançado uma nota 10 nas meias-finais e outra na final.
  • Terminou no domingo o Maui and Sons Pichilemu Women's Pro, um QS1500 que se desenrolou em Punta de Lobos, no Chile, um dos trechos de costa mais “sagrados” do surf sul-americano, e que contou com o triunfo inquestionável da costa-riquenha Leilani McGonagle. Inquestionável porque fê-lo quase de forma perfeita.

    Um evento que contou com condições bem pesadas e exigentes para as surfistas presentes. No dia final as esquerdas chilenas tornaram-se clássicas e ofereceram um final de campeonato época, sobretudo para McGonagle, de apenas 17 anos, que conquistou assim a primeira vitória da carreira a nível sénior na WSL.

    Depois de ter sido vice-campeã deste campeonato no ano passado, Leilani McGonagle não deu qualquer hipótese à concorrência, sucedendo à antiga campeã mundial Sofia Mulanovich. Fê-lo conseguindo uma nota 10 nas meias-finais frente à local Daniela Rosas. Repetiu a pontuação máxima numa onda na final, ficando com um score de 18,03 contra 16,34 da australiana Freya Prumm.

    “As ondas estiveram muito boas e nunca um evento do WQS tinha tido tão boas ondas aqui. Todas as raparigas estavam a surfar muito bem e estou feliz por ter vencido esta final frente a uma amiga. É um primeiro campeonato do QS que venço, por isso sinto-me incrível”, assegurou Leilani McGonagle.

    Com este triunfo a jovem sufista da Costa Rica somou 1500 pontos para o ranking feminino do WQS, onde ascendeu ao 32.º posto, após subir 15 posições, e levou ainda para casa 10 mil dólares de prémio. Já Freya Prumm subiu 17 posições até ao 59.º posto do ranking, graças aos 1125 pontos amealhados.

Galeria