Homepage

  • Melhores do surf nacional premiados em noite de gala
    11 novembro 2022
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Jorge Matreno/ANSurfistas
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Entre as várias categorias que distinguiram os melhores do ano, destaque para a eleição de Peniche como a melhor etapa pelo segundo ano consecutivo.
  • A 13.ª edição dos Portugal Surf Awards premiou, esta sexta-feira, os melhores surfistas nacionais, numa noite de gala que serviu para coroar os campeões nacionais e vencedores da Liga MEO Surf 2022, Guilherme Ribeiro e Teresa Bonvalot. A cerimónia, que decorreu em Lisboa, distinguiu ainda outras individualidades e entidades que se destacaram ao longo da temporada que chega agora ao final.

    As duas principais estrelas da noite foram Guilherme Ribeiro e Teresa Bonvalot, que receberam os troféus dos títulos conquistados. Esta foi a primeira vez que Guilherme se sagrou campeão nacional Open, enquanto Teresa, que no final do mês está de partida para o Havai para atacar uma histórica qualificação para o circuito mundial feminino, conquistou o cetro pela quarta vez na carreira. Além do título, Teresa Bonvalot ainda levou para casa o prémio da Allianz Triple Crown feminina e da melhor onda feminina do ano, enquanto o vice-campeão nacional Vasco Ribeiro foi o autor da melhor onda masculino do ano.

    Entre as várias categorias que distinguiram os melhores do ano, destaque para a eleição de Peniche como a melhor etapa pelo segundo ano consecutivo, num prémio que foi decido por voto dos próprios surfistas. Os mesmos surfistas elegeram Guilherme Fonseca e Maria Salgado para vencedores do troféu Surfers’ Surfer.

    Guilherme e Maria foram outros dos destaques da noite, levando para casa o maior número de troféus. Gui conquistou ainda o prémio Personalidade do Ano, Allianz Triple Crown e o prémio Pedro Lima Fair Play. Já Maria Salgado foi, igualmente, a melhor júnior do ano e a surfista distinguida com a maior evolução do ano, após votação dos media partners da Liga MEO Surf.

    Menção ainda para a segunda edição do prémio que distingue o clube do ano e que foi conquistado novamente pelo Ericeira Surf Clube, por decisão inerente à performance dos seus associados.

    Por fim, o galardão ANS Share foi entregue ao MEO, enquanto o Prémio Carreira foi conquistado pela Allianz.

    Liga MEO Surf 2022:
    – Campeões nacionais e vencedores da Liga MEO Surf: Guilherme Ribeiro e Teresa Bonvalot;
    – Vencedores da Allianz Triple Crown: Guilherme Fonseca e Teresa Bonvalot;
    – Maior evolução do ano: Maria Salgado;
    – Melhor onda: Vasco Ribeiro e Teresa Bonvalot;
    – Juniores do ano: Maria Salgado e Francisco Mittermayer;
    – Surfers’ Surfer: Guilherme Fonseca e Maria Salgado;
    – Melhor Evento: Bom Petisco Peniche Pro;
    – Clube do ano: Ericeira Surf Clube;

    Outras Distinções:
    – Campeões nacionais Pro Júnior: Martim Nunes e Érica Máximo;
    – Personalidade do Ano 2022: Guilherme Fonseca
    – Prémio Carreira 2022: Allianz
    – Prémio ANS Share: MEO
    – Prémio Pedro Lima Fair Play: Guilherme Fonseca

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • liga meo surf
  • Portugal Surf Awards
  • Teresa Bonvalot
  • Guilherme Fonseca
  • Guilherme Ribeiro
  • Maria Salgado
  • Peniche
  • Fotografia
    Jorge Matreno/ANSurfistas
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
fevereiro 06
Rio de Janeiro a ferver! 'Cidade maravilhosa' regista sensação térmica recorde de 58ºC
fevereiro 06
Farol do Cabo de São Vicente alvo de profunda restauração
fevereiro 06
Temperatura a descer e a chuva deverá regressar esta semana
fevereiro 06
Sintra Pro no calendário do Mundial de Bodyboard 2023, mas sem elite masculina
fevereiro 06
Gustavo Ribeiro é vice-campeão do mundo de skate
fevereiro 01
Surf nacional lamenta perda de Pedro Lacerda
fevereiro 03
Lucas Fink, de Ipanema para as ondas grandes da Nazaré com a prancha de skimboard: 'Se o teu sonho não te dá medo, não estás a sonhar alto'