Homepage

  • COP27 decorre no Egito com as alterações climáticas e o aquecimento global no centro do debate
    11 novembro 2022
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Facebook COP27
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • O encontro acontece no meio de uma crise política, energética, alimentar e económica.
  • Representantes de quase 200 países estão desde o passado domingo reunidos em Sharm el-Sheikh, no Egito, para debater as alterações climáticas e a luta contra o aquecimento global, quando se multiplicam os avisos de catástrofe.

    Naquela que é a 27ª Conferência das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas (COP27), que encerra no próximo dia 18 de novembro, esperam-se mais de 35 mil participantes, com 2000 intervenções marcadas sobre mais de 300 tópicos.

    A COP27, que marca o 30º aniversário da adoção da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre as Alterações Climática mantém basicamente os mesmos objetivos de outras cimeiras desde 2015, quando foi assinado o Acordo de Paris, de limitar o aquecimento global a 2ºC e se possível a 1,5ºC.

    No entanto, o encontro acontece no meio de uma crise política, energética, alimentar e económica provocada pela invasão da Ucrânia pela Rússia.

    A própria ONU reconhece que essa situação pode levar a um retrocesso nas promessas e compromissos que alguns países fizeram no passado. Contudo, também diz que pode ser um despertar para que as nações se tornem autossuficientes em energia, sendo as energias renováveis a maneira mais barata de o fazer.

    Antes do arranque dos trabalhos, o secretário-geral da ONU, António Guterres, alertou que o planeta está a caminho de “atingir pontos de inflexão que tornarão o caos climático irreversível”, e pediu mais ambição para a COP27.

    “As emissões ainda estão a crescer em níveis recordes. (…) Enquanto isso, as temperaturas estão a caminho de aumentar até 2,8ºC até ao final do século. E isso significa que o nosso planeta (…) sufocará para sempre num aumento catastrófico de temperatura” alertou.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • COP27
  • Alterações climáticas
  • Cimeira
  • Egito
  • Natureza
  • Sustentabilidade
  • Meio Ambiente
  • Fotografia
    Facebook COP27
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
fevereiro 01
Surf nacional lamenta perda de Pedro Lacerda
fevereiro 03
Lucas Fink, de Ipanema para as ondas grandes da Nazaré com a prancha de skimboard: 'Se o teu sonho não te dá medo, não estás a sonhar alto'
fevereiro 03
Sol e temperaturas acima dos 20ºC no primeiro fim de semana de fevereiro
fevereiro 03
Está a chegar o Circuito Regional de Surf do Sul 2023!
fevereiro 02
Tempo frio ainda deixa três distritos sob aviso amarelo
fevereiro 02
Praia da Empa coroou vencedores do Science Ericeira 2022
fevereiro 01
FUEL TV assegura transmissão do Winter Dew Tour 2023 à escala global