Homepage

  • Portugal regressa ao top 3 do Eurosurf Junior após dia de repescagens
    20 julho 2022
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    FPS
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Jornada agridoce com a derrota de Martim Fortes em Sub-16 masculinos, mas com sucesso para Beatriz Carvalho em Sub-18 feminino.
  • A seleção portuguesa viveu esta quarta-feira uma jornada mais curta, dedicada apenas às repescagens, mas nem por isso menos importante. Num dia em que todas as principais seleções na corrida ao título do Eurosurf Júnior de Santa Cruz sofreram eliminações, Portugal não foi exceção, ficando sem mais um elemento. Ainda assim, nas contas gerais coletivas equipa das quinas subiu do 4.º para o 3.º posto da tabela, que é liderada por Espanha, com França em segundo.

    Um dos pontos positivos da armada lusa foi a prestação de Beatriz Carvalho. Em ação em duas rondas de repescagem em Sub-18 feminino, a surfista da Costa de Caparica superou a ronda 2 com um triunfo, enquanto na ronda 3 voltou a qualificar-se, desta vez com um 2.º lugar. Dessa forma, avançou para a ronda 4 da repescagem, o que manteve a equipa portuguesa intacta neste escalão.

    A baixa do dia acabou por ser Martim Fortes em Sub-16 masculino, que foi eliminado na ronda 3 da repescagem, depois de ter sido quarto e último no heat que disputou. Esta foi a segunda baixa da equipa portuguesa, que na véspera já tinha perdido Aurora Dantas em longboard feminino.

    Para David Raimundo, o sentimento é misto: por um lado, animado com a exibição de Beatriz Carvalho mas contrariado pela queda de Martim Fortes numa altura em que se prevê uma subida do mar, condições que favoreceriam o ericeirense: “No caso do Fortes, sabíamos que com a subida da ondulação, ele seria uma mais-valia pois sente-se muito confortável nessas condições. Mas esta é a fase em que todas as equipas perdem atletas; a França perdeu hoje o primeiro surfista, a Espanha e a Itália também já têm baixas e tudo está em aberto. Terminámos bem o dia com a Bia a vencer o primeiro heat e a passar a outra bateria, e é com esse ânimo que vamos para amanhã, o dia em que muita coisa se vai começar a clarificar.”

    Apesar de tudo, as aspirações lusas mantêm-se em alta até porque praticamente toda a equipa se mantém no quadro principal. Neste momento apenas Beatriz Carvalho em Sub-18 feminino e Maria Dias em Sub-16 feminino estão nas repescagens, sobrando 11 atletas nas rondas finais dos quadros principais, o que significa que ainda podem sofrer um percalço pelo caminho.

    Feitas as contas, Portugal ainda está bem dentro da luta pelo triunfo coletivo neste Eurosurf Júnior, além de ter várias setas apontadas aos títulos individuais. Os dias que se seguem deverão ser determinadas para definir os finalistas das respetivas categorias, com Portugal a jogar cartadas decisivas daqui para a frente, a começar por esta quinta-feira.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Portugal
  • Santa Cruz
  • eurosurf junior
  • Fotografia
    FPS
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
outubro 04
Costa Nova coroou campeões de Kneeboard e Masters de Bodyboard
outubro 03
Portugal arrecada 30 prémios nos Oscares Europeus dos Turismo
outubro 03
Curso de Treinadores de Surf Grau I de regresso ao Dr. Bernard Surf Center
outubro 03
Joel Rodrigues e Filipa Broeiro vice-campeões europeu de bodyboard
outubro 03
Surf Clube de Viana em destaque no Euro’Meet 2022 na Dinamarca
outubro 03
Francisco Santos sagra-se campeão nacional Sub-12
outubro 03
Rodrigo Carrajola sagra-se tricampeão nacional de bodysurf