Homepage

  • Ribeira Grande pretende ter Reserva Mundial de Surf
    24 junho 2022
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Jorge Matreno/ANSurfistas
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Alexandre Gaudência, presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, confirmou desejo durante a conferência de imprensa de lançamento do Allianz Ribeira Grande Pro.
  • Portugal poderá vir a ter uma segunda zona considerada Reserva Mundial de Surf. Depois de a Ericeira ter conseguido tal estatuto em 2011, quando se tornou a segunda Reserva de Surf em todo o Mundo e a primeira na Europa, agora, é o Município açoriano de Ribeira Grande a pretender avançar com um projeto que visa a proteção das ondas locais.

    Segundo Alexandre Gaudêncio, presidente da Câmara Municipal de Ribeira Grande, há um trabalho conjunto com a Save The Waves, ONG que regula e define todas as Reservas Mundiais de Surf, de forma a que as ondas deste município situado na costa Norte da Ilha de São Miguel se candidatem a este estatuto.

    Esta quinta-feira, durante a conferência de imprensa de lançamento do Allianz Ribeira Grande Pro, quarta etapa da Liga MEO Surf 2022, o edil admitiu essa intenção e garantiu já existirem trabalhos nesses sentido. Quem aproveitou a oportunidade para elogiar esta aposta do Município da Ribeira Grande foi Frederico Morais. O melhor surfista português da atualidade esteve também presente na conferência de imprensa e frisou a importância desta aposta na preservação das ondas.

    Com o spot mais famoso do município e da própria ilha de São Miguel a ser os Areais de Santa Bárbara, que anualmente acolhe uma etapa do circuito mundial de qualificação da WSL, Ribeira Grande possui ainda outros spots como a praia do Monte Verde, Santa Iria, Rabo de Peixe, Calhetas de Rabo de Peixe, Santana, Maia ou o spot de ondas grandes do Pico da Viola, entre outros segredos bem guardados por uma costa tão rica e recortada. Algo que sustenta o slogan adotado pela autarquia de “Ribeira Grande, Capital do Surf”.

    No total existem já 12 Reservas Mundiais de Surf em todo o Mundo, a última das quais a ser nomeada North Devon, no Reino Unido, que se vai tornar na segunda Reserva da Europa. Gold Coast, Noosa e Manly, na Austrália, Santa Cruz e Malibu, na Califórnia, Todos Santos, no México, Guarda do Embaú, no Brasil, Punta de Lobos, no Chile, Huanchaco, no Peru, e Playa Hermosa, na Costa Rica, são as outras Reservas Mundiais de Surf já existentes.

    Anualmente a Save the Wave Coalition nomeia uma nova Reserva Mundial de Surf, após uma lista inicial de candidatos. Meses mais tarde essa Reserva Mundial de Surf é oficializada. É a esse processo que Ribeira Grande pretende candidatar-se num futuro próximo, estando já todos os esforços a serem dinamizados nesse sentido.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Reserva Mundial de Surf
  • Açores
  • Ribeira Grande
  • Fotografia
    Jorge Matreno/ANSurfistas
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
agosto 12
Vasco Ribeiro anuncia pausa na carreira
agosto 12
Banhos voltam a ser autorizados na Praia da Batata em Lagos
agosto 10
Buondi anuncia os vencedores das 7 cadeiras anfíbias Turtle
agosto 10
Dois animais marinhos devolvidos ao habitat natural ao largo de Aveiro
agosto 10
Água da Praia de Vila Praia de Âncora está imprópria para banhos
agosto 11
Estão proibidos os banhos na Praia da Batata em Lagos
agosto 11
Inscrições abertas para as últimas turmas do ano do curso de Treinadores de Surfing Grau I da ASI Portugal