Homepage

  • Portugal com dia limpo e na liderança coletiva do Mundial Junior ISA
    02 junho 2022
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    ISA/Franco
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Após o dia 5 em El Salvador, apenas a seleção do Japão e dos Estados Unidos conseguiram manter-se sem eliminações, tal como Portugal.
  • Portugal viveu, esta quarta-feira, uma jornada praticamente perfeita no Mundial ISA Júnior de El Salvador, mantendo a equipa completa e sem qualquer eliminação, após um quinto dia de ação dedicada exclusivamente às repescagens. Apenas Japão e Estados Unidos conseguiram o mesmo feito, ficando, assim, a Seleção Nacional numa liderança tripartida no ranking coletivo desta prova e na luta pela medalha de ouro.

    Com sete surfistas em ação ao longo do dia e com Beatriz Carvalho a ser a única a ter entrado duas vezes na água, uma vez que teve de competir logo na ronda inaugural da prova Sub-18 feminina, a jovem armada lusa esteve em bom plano, com algumas vitórias de heats e qualificações no limite, mas garantindo que Portugal começa o dia 6 do Mundial Júnior com 12 representantes em prova e ainda sem qualquer eliminação.

    Depois de Beatriz Carvalho ter começado da melhor forma, com um 2.º lugar na ronda inaugural das repescagens, na ronda 2 da prova Sub-18 feminina Portugal teve as três representantes em ação. Gabriela Dinis venceu a sua bateria, com 13,06 pontos, enquanto Benedita Teixeira passou na segunda posição. Já a fechar o dia, Beatriz Carvalho voltou à água e conseguiu segurar a qualificação num heat muito complicado e onde apenas 0,07 fizeram a diferença a favor da portuguesa.

    Em Sub-18 masculinos apenas Martim Fortes entrou em cena e superou a ronda 2 na segunda posição do seu heat. Já em Sub-16 masculinos foi Martim Fortes a entrar em cena já perto do final da jornada, conseguindo um triunfo sem sobressaltos. Por fim, na categoria Sub-16 feminina, Portugal conseguiu um triunfo através de Maria Dias, fechando a ronda 2 da repescagem com a passagem de Érica Máximo no segundo posto, com 0,15 pontos a serem suficientes para ajudar ao pleno português.

    Fora de ação estiveram Maria Salgado, Francisco Ordonhas e Matias Canhoto, o trio português que ainda se mantém nos quadros principais das respetivas categorias e que regressam esta quinta-feira à ação na ronda 4, mas também Francisco Queimado e Jaime Veselko, que já tinham caído nas repescagens, mas em rondas mais avançadas, ficando novamente de folga na jornada de hoje, que, além dos quartos-de-final do quadro principal de todas as categorias, ainda verá realizar-se a ronda 3 de todas as repescagens.

    Dessa forma, Portugal terá pela frente um dia muito importante para as contas finais e para essa liderança provisória que conseguiu alcançar. Ao todo estarão 10 surfistas em prova, com sete deles a terem de discutir a continuidade em prova, sem mais possibilidades de derrota. Apesar de ter menos surfistas no quadro principal que Japão e Estados Unidos, caso continue a manter a equipa intacta após mais esta jornada, é bem provável que Portugal se isole nessa liderança e lance um sério ataque à medalha de ouro coletiva.

    Relativamente ao trio ainda presente no quadro principal e que tem uma “vida” a mais em relação aos compatriotas, em Sub-18 masculinos Francisco Ordonhas vai estar no terceiro e penúltimo heat da ronda 4, onde irá enfrentar o brasileiro Ryan Kainalo, o inglês Samuel Hearn e o havaiano Shion Crawford. Já em Sub-16 masculinos, Matias Canhoto vai medir forças com os norte-americanos Jak Ziets e Kai Kushner e com o espanhol Hans Odriozola logo no heat inaugural da ronda 4. Por fim, na prova Sub-16 feminina Maria Salgado vai enfrentar a havaiana Vahiti Inzo, a japonesa Mirai Ikeda e a peruana Antia del Solar no segundo de três heats dessa fase.

    Quanto às repescagens, em Sub-18 masculinos Martim Nunes vai estar em ação logo no heat inaugural da ronda 3, onde terá pela frente o porto-riquenho Nicolas Epps, o alemão Hugo Hermening e o israelita Ilay Bochan. Na mesma fase em Sub-16 masculinos, Martim Fortes compete no sétimo e penúltimo heat da ronda 3, frente ao colombiano Khalil Piñeres, ao argentino Thiago Passeri Pezzati e ao porto-riquenho Jack Young.

    Na ronda 3 de repescagens da prova Sub-16 feminina, Érica Máximo entra em cena no heat 5, onde mede forças com a neozelandesa Skylar McFetridge, com a nicaraguense Maxima Resano e ainda com a brasileira Sophia Gonçalves, enquanto no sexto e último heat Maria Dias irá enfrentar a taitiana Kahili Simon, a argentina Vera Jarisz e a australiana Willow Hardy.

    Por fim, na ronda 3 da prova Sub-18 feminina, Portugal terá três representantes em ação. A primeira a entrar na água será Gabriela Dinis no heat 2, frente à argentina Sinai Borelli, à canadiana Sanoa Olin e à venezuelana Valeria Benítez. No heat 5 Beatriz Carvalho defronta a peruana Arena Rodríguez, a porto-riquenha Liliana Franceschini e a chilena Estela Lopez. Por fim, no sexto e último heat, Benedita Teixeira tem a companhia da japonesa Kokona Kawase, da argentina Coco Cianciarulo e da porto-riquenha Anabella Lopez.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • El Salvador
  • Portugal
  • Mundial Junior ISA
  • Fotografia
    ISA/Franco
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
agosto 15
Verão tira folga para o surgimento de chuva no início da semana
agosto 16
Ramon Navarro campeão em Punta de Lobos
agosto 15
Sophia Medina campeã dos Jogos Pan-americanos
agosto 15
Tony Laureano enfrenta ondas gigantes chilenas em competição
agosto 15
Sismo sentido este domingo no Algarve
agosto 12
Vasco Ribeiro anuncia pausa na carreira
agosto 12
Banhos voltam a ser autorizados na Praia da Batata em Lagos