Homepage

  • Portugal tem 103 praias com arribas instáveis
    14 junho 2022
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Para quem não respeitar a sinalética e permanecer ou circular em zonas interditas, o incumprimento pode levar ao pagamento de coimas.
  • A chegada do verão, o que acontece dentro de uma semana, significa tempo de férias. É altura em que muitos decidem rumar às praias para gozar uns merecidos dias de descanso.

    Numa altura em que as praias portuguesas começam a ser cada vez mais concorridas, a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) revela que há 103 praias nas quais devemos ter o máximo cuidado no sítio onde estendemos a toalha, pois possuem arribas instáveis. Isto é, existe o risco de derrocada. 

    "A faixa de risco corresponde à área passível de ser ocupada pelos resíduos de desmoronamentos e tem largura igual a 1.5 vezes a altura da arriba", explica a APA em nota informativa no seu sítio oficial de internet.

    O Algarve é a região do país que tem o maior número da praias onde existe risco de derrocadas. Por exemplo, no concelho de Albufeira 24 das 27 praias existentes apresentam este risco. Entre elas, as praias do Evaristo, Maria Luísa, Peneco, Santa Eulália e Arrifes.

    As praias do Camilo, Beliche, Amado, Burgau, Tonel e Zavial são outras das praias algarvias que constam desta lista. Seguem-se as praias da costa alentejana e da zona costeira do Tejo e Oeste. 

    Nos areais em questão, a APA diz que em "articulação com as entidades competentes, promove a colocação de placas de risco nas praias integradas nos concelhos a seguir discriminados, onde foram identificadas faixas de risco das arribas, como forma de informar e sensibilizar os utentes dessas zonas balneares".

    Para quem não respeitar a sinalética e permanecer ou circular em zonas interditas, o incumprimento pode levar ao pagamento de coimas, sendo que os valores vão de 30 a 100 euros. 

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Portugal
  • Arribas
  • Verão
  • Época Balnear
  • desmoronamento
  • Risco
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
outubro 03
Joel Rodrigues e Filipa Broeiro vice-campeões europeu de bodyboard
outubro 03
Surf Clube de Viana em destaque no Euro’Meet 2022 na Dinamarca
outubro 03
Francisco Santos sagra-se campeão nacional Sub-12
outubro 03
Rodrigo Carrajola sagra-se tricampeão nacional de bodysurf
setembro 30
Melhores bodysurfers nacionais a caminho da Praia do Guincho
setembro 30
Ondas de Peniche vão coroar o novo campeão nacional de Surf Esperanças Sub-16
setembro 30
Temperatura vai ultrapassar os 30ºC no primeiro fim de semana de outubro