Homepage

  • Fotografia
    WSL/Brent Bielmann
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Moore representa mesmo more (mais). Ela é inconformidade, inovação, progresso e uma permanente vontade em quebrar barreiras.
  • Desde 2011, Carissa Moore já amealhou um total de cinco títulos mundiais e sagrou-se campeã olímpica em Tóquio'2020. Mais nenhuma surfista à face da Terra foi mais laureada do que a havaiana.

    Porém, o legado de Riss no surf feminino tem ido muito mais além do que as coroas de campeã mundial ou a medalha de ouro arrecadada em Tsurigasaki Beach no verão passado.

    Ao longo de toda a sua trajetória, a surfista de 29 anos tem sido uma referência no que toca ao desenvolvimento do surf feminino. Uma verdadeira fonte de inspiração. Moore representa mesmo more (mais). Ela é inconformidade, inovação, progresso e uma permanente vontade em quebrar barreiras. 

    Foi assim que o ano passado fez em Merewether Beach um extraordinário air reverse, naquele que é um dos maiores aéreos jamais vistos no surf feminino. Agora, voltou a brilhar, mas em Pipeline, na onda rainha do surf mundial.

    Carissa é uma das surfistas que está mais à vontade naquele mítico spot e a prova disso é o tubo de excelência que fez para Backdoor no seu duelo dos oitavos-de-final diante de Bethany Hamilton. E assim saiu um 9,50 pts, a melhor nota do Billabong Pro Pipeline no campo feminino, até ao momento. Para ver e rever! 

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Surf
  • Pipeline
  • Billabong Pro Pipeline
  • Carissa Moore
  • havai
  • WSL
  • World Surf League
  • tubo
  • Fotografia
    WSL/Brent Bielmann
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
julho 03
Martim Nunes e Erica Máximo são os novos campeões nacionais Sub-20
julho 02
Declaração de Lisboa aprovada no fecho da Conferência dos Oceanos
julho 01
Subida da temperatura e diminuição da intensidade do vento no fim de semana
julho 01
Conferência dos Oceanos encerra esta sexta-feira com adoção da Declaração de Lisboa
julho 01
Biodiversidade vai ser afetada com a mineração do mar profundo
junho 30
Maya Gabeira é Campeã para o Oceano e a Juventude da UNESCO
junho 30
Revelados os competidores do Softboard Heroes 2022