Homepage

  • Houve 663 salvamentos em Portugal durante a época balnear de 2021
    03 novembro 2021
    arrow
    arrow
  • O diretor-geral da Autoridade Marítima e Comandante-geral da Polícia Marítima, o vice-almirante António Coelho Cândido, fez um 'balanço positivo' das ações, lamentando, no entanto, as 'mortes registadas'.
  • Esta quarta-feira, dia 3 de novembro, a Autoridade Marítima Nacional fez o balanço da época balnear de 2021, numa conferência de imprensa realizada na Academia da Marinha, em Lisboa.

    Encontro este no qual foi revelado que no período balnear, que decorreu entre os dias 15 de maio e 31 de outubro, as autoridades registaram 663 salvamentos e 2518 ações de primeiros socorros nas praias portuguesas. Por outro lado, ocorreram 14 mortes, menos uma do que em 2020.

    De acordo com Rui Santos Pereira, comandante do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), há a "lamentar 14 acidentes mortais, dos quais oito em praias vigiadas, sendo na sua maioria por doença súbita (sete) e uma por afogamento fora da época balnear, às oito da manhã".

    Segundo Santos Pereira, registou-se também uma morte por doença súbita numa praia não vigiada, duas mortes por afogamento em praias marítimas, fora da época balnear, e três em zonas marítimas (praias fluviais): duas por doença súbita e uma por afogamento.

    Durante a apresentação do balanço da época balnear, o diretor-geral da Autoridade Marítima e Comandante-geral da Polícia Marítima, o vice-almirante António Coelho Cândido, fez um "balanço positivo" das ações, lamentando, no entanto, as "mortes registadas".

    "Há a lamentar algumas mortes, nunca poderemos estar satisfeitos e poderemos melhorar a resposta à segurança nas nossas praias", frisou, considerando que a experiência do ano anterior, durante a pandemia, permitiu "uma preparação mais eficaz", lembrando, igualmente, os vários projetos implementados e as campanhas de divulgação na comunicação social.

    Esteve envolvido na época balnear, em ações de sensibilização e vigilância apeada nas praias, um dispositivo composto por 679 elementos: 452 da Polícia Marítima, 121 tripulantes das Estações Salva-vidas e 106 militares da Marinha em reforço na Autoridade Marítima Nacional.

    Houve ainda um dispositivo de reforço vocacionado para praias não vigiadas em permanência feito através de 29 viaturas, sete motos 4x4, uma moto de salvamento marítima e 66 militares da Marinha.

    Este ano foram certificados 7300 nadadores-salvadores, que viram prorrogada a validade do seu certificado até final de 31 de dezembro de 2021, havendo no início de 2021, 6202 certificados e mais 1063 até final de julho.

    Rui Santos Pereira lembrou também a iniciativa 'Surf & Rescue', que pretende dotar formadores de 'surf' com as técnicas de suporte de vida, tendo em 2020 sido formados 86 surfistas e, até ao momento, este ano, estão já formados 76, sendo que ainda não terminaram as ações.

    De acordo com os dados apresentados durante a conferência de imprensa, as viaturas patrulharam 372.182 quilómetros, estiveram envolvidas em 124 salvamentos e 443 ações de primeiros socorros.

    Já as motos 4x4 patrulharam 25.428 quilómetros, tendo estado envolvidas em 13 salvamentos e 50 ações de primeiros socorros.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Portugal
  • Salvamento
  • Nadadores-salvadores
  • Autoridade Marítima Nacional
  • Época Balnear
  • Verão
  • Afogamento
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
novembro 28
João Dantas e Frederico Carrilho são campeões nacionais de longboard
novembro 28
Níveis de poluição em Lisboa são superiores ao tolerado pela OMS
novembro 28
Ondas de gala coroaram vencedores do Special Event do circuito ASCC Caparica Power 2022
novembro 28
Joana Schenker deu palestra sobre o oceano em escola de Faro
novembro 28
Ondas até 5 metros deixam oito distritos sob aviso amarelo
novembro 25
Sol fica só até sábado: chuva volta no domingo
novembro 28
Vincent Duvignac, o rei de Hossegor voltou ao trono!