Homepage

  • Veleiro encalhou na Praia do Cabedelo
    08 outubro 2021
    arrow
    arrow
  • A embarcação apresenta danos no mastro e ao nível do leme, aparentemente por ação da ondulação na zona de rebentação.
  • Na manhã desta sexta-feira, dia8 de outubro, um veleiro com cerca de 11 metros de comprimento encalhou na Praia do Cabedelo, localizada no concelho da Figueira da Foz. 

    O veleiro de bandeira belga e tripulado por dois cidadãos da mesma nacionalidade - um homem de 44 anos e uma mulher de 34 - encalhou por volta das 10h00 num banco de areia junto à Praia do Cabedelo Sul, a menos de um quilómetro da barra do Porto da Figueira da Foz (de onde saiu cerca das 09h30) e em frente a uma escola de surf local.

    Em declarações à agência noticiosa Lusa, Ivan Tomás, proprietário da Surf'Scool, contou que o casal foi retirado da água por dois dos seus instrutores e levado para o areal, aparentemente sem ferimentos.

    Eduardo Charana, 30 anos, um dos monitores de surf que participou no salvamento, precisou que, ao início da manhã desta sexta-feira, quando chegaram à praia, avistaram o veleiro "um bocado perdido, num sítio onde não deveria estar", perto da zona de rebentação.

    Perante a situação, deram o alerta para a Capitania do Porto da Figueira da Foz. "Entretanto, assim que veio uma onda e o barco rodou, fomos lá para ajudar. O primeiro instinto quando vimos aquilo a acontecer foi ir ajudar", explicou Eduardo Charana, que foi nadador-salvador durante seis anos na Praia do Cabedelo.

    Acrescentou que o veleiro "encalhou na areia" numa zona "com bastante ondulação" a cerca de 150 metros da praia.

    "Quando chegamos ao pé do barco, [os tripulantes] já tinham conseguido sair. A senhora estava em choque, como que paralisada, não se conseguia mexer, o senhor até estava bem. Pusemos a senhora na prancha, o senhor veio pelos seus próprios meios, mas viemos ao lado dele, preocupados que não tivesse forças para chegar à areia", afirmou.

    Já na praia, o casal foi socorrido pelos meios dos bombeiros e Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), entretanto ativados.

    "A senhora estava muito assustada. Estava presa ao arnês, caiu do barco e bebeu um bocado de água. Quando chegou à praia vomitou bastante", disse, por seu turno, Eduardo Alçada, outro monitor de surf, que chegou a ir a bordo da embarcação recuperar alguns bens e pertences dos tripulantes.

    Eduardo Alçada disse ainda que o veleiro apresentava danos no mastro e ao nível do leme, aparentemente por ação da ondulação na zona de rebentação.

    Ouvido pela Lusa, João Lourenço, comandante do Porto da Figueira da Foz, confirmou a recuperação de bens do casal belga, por si autorizada, acrescentando que as causas do acidente permanecem desconhecidas e serão objeto de investigação pela Capitania.

    João Lourenço adiantou que o barco está encalhado "numa zona onde não há perigo para a restante navegação" e que o proprietário terá de entregar às autoridades um plano para o remover.

    "Onde está, muito dificilmente voltará a flutuar pelos seus próprios meios. Da experiência que tenho, com a subida da maré, virá a ser empurrado pelo mar para terra", argumentou o comandante.

    Já fonte do gabinete de comunicação do Hospital Distrital da Figueira da Foz confirmou que os dois tripulantes de nacionalidade belga deram entrada nos serviços de urgência da unidade de saúde - localizada perto da Praia do Cabedelo - "por uma questão de precaução".

    "A senhora apresentava um quadro de hipotermia, está clinicamente estável e em observação. O senhor está bem e também em observação", indicou a fonte.

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Portugal
  • Praia do Cabedelo
  • Figueira da Foz
  • Autoridade Marítima Nacional
  • Veleiro
  • encalhado
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
dezembro 02
Primeiro fim de semana de dezembro vai ser frio, cinzento e chuvoso
dezembro 02
Grupos central e oriental dos Açores com aviso amarelo devido ao mau tempo e mar agitado
dezembro 02
Seleção Nacional de Surf Adaptado já partiu para o Mundial ISA 2022
dezembro 02
Ericeira Surf Clube participa em projeto que promove a sustentabilidade ambiental e não só
novembro 30
Chuva não fica para o feriado: sol vai brilhar
novembro 29
Governo australiano é contra a inclusão da Grande Barreira de Coral na lista de Património Mundial em perigo
novembro 29
38 anos depois, acordou o maior vulcão ativo do mundo