Homepage

  • ASCC apresenta novidades para o circuito Caparica Power 2021/2022
    25 outubro 2021
    arrow
    arrow
  • As novidades envolvem a criação de um Special Event, o nascimento de uma nova categoria e não só.
  • O primeiro fim de semana de novembro (6 e 7) será marcado pela realização da etapa única do ASCC Caparica Power 2021 sponsored by Almada Forum powered by Native Açaí.

    A competição terá lugar na Praia do Marcelino, na Costa de Caparica, sendo que irá definir os campeões do presente ano nas categorias Open, Feminino, Sub-21 e Sub-16.

    De acordo com a nota informativa da Associação de Surf da Costa de Caparica (ASCC), a etapa a realizar para além de consagrar os novos campeões irá servir de qualificação para um Special Event a realizar no próximo ano.

    Para a participação neste evento especial contarão os três melhores resultados de entre quatro eventos disputados. Este de 2021 mais os três em agenda para 2022. O Special Event será a grande final do circuito do próximo ano, que também tem como novidade um prize-money de 5000 euros para a categoria Open e 1500 euros para o Feminino.

    Os qualificados no somatório das três melhores etapas que darão acesso ao Special Event de acordo com as categorias são:

    Open – Top 24 + 2 WC
    Open Fem. – Top 12
    Sub-21 – Top 3
    Sub-16 – Top 3

    Outra das novidades a envolver o circuito ASCC Caparica Power é a inclusão da categoria de Sub-21 cujo objetivo é "proporcionar um circuito Pro Júnior aliciante e competitivo preparando os atletas para os seus objetivos a nível nacional e internacional". Desta forma, os jovens surfistas vão "poder continuar a competir no mesmo escalão durante mais três anos em detrimento da categoria de Sub-18 que, ultrapassado o limite de idade, obrigava-os a entrarem logo na categoria Open".

    As inscrições para a etapa única de 2021 encontram-se abertas e podem ser efetuadas através do link de inscrição ou através do sítio oficial de internet da ASCC. O ato de inscrição tem o valor de 15 euros para sócios e de 25 euros para não-federados ASCC.

    “A ASCC está orgulhosa de voltar a realizar o circuito que deu origem ao regresso do clube à organização de campeonatos em 2013”, referiu Miguel Gomes, presidente da Associação de Surf da Costa de Caparica. 

    “Este ano e em 2022 voltamos a revolucionar o panorama dos circuitos de inter-sócios a nível nacional e europeu com a inclusão da categoria de Sub-21 em prol da evolução do surf Pro Júnior e um Special Event com prize-money que irá definir os campeões de 2022. Estamos certos de que este upgrade será aliciante e irá contribuir para a evolução do nível de surf de todos os atletas. Um agradecimento especial à Câmara Municipal de Almada, à Junta de Freguesia da Costa de Caparica e aos nossos patrocinadores porque sem eles não conseguimos alcançar os nossos objetivos”, finalizou Miguel Gomes. 

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Surf
  • Competição
  • Circuito ASCC Caparica Power
  • Associação de Surf da Costa de Caparica
  • Praia do Marcelino
  • Costa de Caparica
  • caparica
  • Portugal
  • ascc
  • Fotografia
    Caparica Waves/ASCC
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
setembro 27
O que valem as vagas olímpicas ganhas por Japão e Estados Unidos?
setembro 27
Os outros pontos de interesse do Challenger da Ericeira
setembro 27
David Raimundo: 'A Seleção Nacional de Surf mostrou ao mundo uma vez mais o valor do surfista português'
setembro 27
Frederico Morais sobre Guilherme Fonseca: 'Conheci um viciado no surf e apaixonado pela competição'
setembro 27
The Surf Experience vai celebrar 30º aniversário com festival de música em Lagos
setembro 27
Projeto 'Surf & Rescue' em estreia nos Açores no sábado
setembro 26
Foi 'muito criticado', mas Guilherme Fonseca reivindicou-se em Huntington Beach: 'Fui acreditando cada vez mais'