Homepage

  • Um mês para os Jogos Olímpicos que marcam a estreia do surf!
    23 junho 2021
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    ISA
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • John John Florence e Kolohe Andino regressaram esta semana à água e aumentaram ainda mais as dúvidas...
  • Os Jogos Olímpicos de Tóquio’2020 têm estreia marcada para 23 de Julho. Depois de a pandemia ter adiado as olimpíadas japonesas para este ano, finalmente tudo parece estar a postos para a ação, naquela que será a estreia olímpica do surf. Falta precisamente um mês para o início da maior prova desportiva do planeta e, no que diz respeito ao surf, uma grande dúvida ainda paira no ar: vamos ter Kelly Slater em Tóquio?

    Os rumores são cada vez mais e, embora seja possível acreditar na presença do 11 vezes campeão mundial e maior nome da história do surf no maior momento da história moderna da modalidade, devido às lesões de Kolohe Andino e John John Florence, a verdade é que tudo é ainda uma verdadeira incerteza.

    A gravidade da lesão sofrida por John John num joelho o parecia colocar praticamente fora de Tóquio, dando a oportunidade a KS de entrar como alternate. Mas esta quarta-feira o havaiano, que sempre acreditou na recuperação, atualizou o ponto de situação e mostrou que já se encontra a surfar, tendo ainda um mês para se colocar em condições de ir a jogo.

    Também Kolohe Andino, que tinha uma lesão num tornozelo mais antiga, já regressou à ação esta semana, aumentando ainda mais as especulações sobre a composição da equipa norte-americana em Tóquio. Se Kolohe parece ter tido o tempo suficiente de recuperação, para John John tudo parece demasiado rápido para um problema tão grave como uma rutura de ligamentos, ainda que parcial.

    Nas imagens Florence surge com uma joelheira que está a proteger a lesão no joelho esquerdo, embora também se mostre já a fazer turns nesta fase. E depois ainda se coloca a questão se John John mesmo recuperando para estar presente nos Jogos Olímpicos vai conseguir estar a 100 por cento ou numa situação em que possa sofrer uma recaída.

    Dúvidas e mais dúvidas que apimenta assim este começo de contagem decrescente para a estreia do surf no Olimpo. A partir daqui todos os olhares vão estar centrados em Tóquio, onde Portugal irá marcar presença com três surfistas: Frederico Morais, Teresa Bonvalot e Yolanda Hopkins. Já falta pouco!

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Tóquio'2020
  • Jogos Olímpicos
  • Fotografia
    ISA
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
julho 31
Porque motivo este verão está a ser tão ventoso? Pedro 'Pecas' explica
julho 28
Em Tóquio'2020, regressou o bom e velho Owen Wright: 'Muitos pensavam que não ia chegar às medalhas'
julho 28
Japão foi o país mais medalhado na prova olímpica de surf
julho 30
Projeto Ericeira WSR+10 discutiu o Turismo de Surf em nova conferência
julho 30
David Raimundo: “2021 foi o ano que mais me marcou”
julho 29
Yolanda Hopkins: “Se alguém me apoiar a sério, não vou desiludir”
julho 29
Frederico Morais já regressou aos treinos no mar