Homepage

  • Arrancou oficialmente a época balnear de 2021 em Portugal
    12 junho 2021
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Pelo segundo ano consecutivo, existem regras de prevenção no acesso, ocupação e utilização das praias portuguesas.
  • Este sábado, dia 12 de junho, marca o arranque oficial da época balnear de 2021 na grande maioria das praias portuguesas.

    Os areais passam a contar com vigilância permanente por parte dos nadadores-salvadores e estão sujeitas pelos segundo ano consecutivo a regras de prevenção face à pandemia do novo coronavírus.

    Entre as regras estabelecidas (cujo incumprimento este ano está sujeito a coimas) para o acesso, ocupação e utilização das praias no contexto pandémico está o uso de máscara nos acessos à praia e na utilização dos apoios, restaurantes ou instalações sanitárias.

    Outra das regras é o distanciamento social entre pessoas e grupos, com os toldos e os colmos com três metros entre si, enquanto para as barracas a distância é de um metro e meio, não sendo permitido mais de cinco utentes por toldo, colmo ou barraca.

    Fora da área concessionada, os utentes devem estender as toalhas a, pelo menos, um metro e meio de distância, desde que não sejam do mesmo grupo, e os chapéus-de-sol têm de estar afastados no mínimo três metros entre si.

    A prestação de serviços de massagens e similares não é permitida, assim como as atividades desportivas não individuais no mar ou na área definida para uso balnear.

    No entanto, há exceções: duas ou mais pessoas podem praticar desporto "quando o estado de ocupação da praia seja baixo" e aulas de escolas ou instrutores de surf e desportos similares também são permitidos, desde que apenas com cinco alunos por instrutor e assegurando o distanciamento de "um metro e meio entre cada participante, tanto em terra como no mar".

    Os vendedores ambulantes podem circular pelo areal, desde que respeitem as regras e orientações de higiene e segurança e usem obrigatoriamente máscara no contacto com os utentes.

    Os concessionários podem ainda ser multados pela falta de espaços com informação sobre as regras ou pela inobservância de regras da Direção-Geral da Saúde (DGS) ao nível da higienização e limites de ocupação dos espaços como sanitários e restaurantes.

    O Governo estabeleceu coimas para quem não cumpra as regras, que vão de 50 a 100 euros, para pessoas singulares, e de 500 a 1000 euros, no caso de pessoas coletivas.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Verão
  • Portugal
  • Época Balnear
  • Regras
  • Acessos
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
julho 31
Porque motivo este verão está a ser tão ventoso? Pedro 'Pecas' explica
julho 28
Em Tóquio'2020, regressou o bom e velho Owen Wright: 'Muitos pensavam que não ia chegar às medalhas'
julho 28
Japão foi o país mais medalhado na prova olímpica de surf
julho 30
Projeto Ericeira WSR+10 discutiu o Turismo de Surf em nova conferência
julho 30
David Raimundo: “2021 foi o ano que mais me marcou”
julho 29
Yolanda Hopkins: “Se alguém me apoiar a sério, não vou desiludir”
julho 29
Frederico Morais já regressou aos treinos no mar