Homepage

  • 21 meses depois regressou a Red Bull Cliff Diving World Series
    14 junho 2021
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Red Bull
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • O evento que abriu a temporada de 2021 teve lugar nas pouco acessíveis escarpas de Saint-Raphaël.
  • Depois de uma paragem de 21 meses por força da pandemia do novo coronavírus, a Red Bull Cliff Diving World Series regressou à ação no passado fim de semana com a realização da primeira etapa da temporada de 2021.

    As águas calmas da Côte d'Azur, em plena Riviera francesa, enquadraram o regresso à competição dos melhores atletas do planeta de saltos para a água de grande altura.

    Num momento de renovação da modalidade, houve um misto de surpresas e confirmações, com o romeno Catalin Preda a vencer pela primeira vez e a australiana Rhiannan Iffland a confirmar o seu domínio no setor feminino.

    Nas pouco acessíveis escarpas de Saint-Raphaël, a organização do evento enfrentou grandes desafios para montar as plataformas de 27 e 24 metros de altura. 

    A grande surpresa desta jornada foi a vitória do romeno Catalin Preda, um wildcard que superou na final o campeoníssimo Gary Hunt.

    “Estou muito feliz por esta vitória, sobretudo depois de passar um longo período de preparação e incerteza. Sei que sou apenas um convidado, mas nesta competição partimos todos do zero e a minha prestação falou por si”, disse Catalin Preda. O pódio masculino ficou completo com outro romeno, Constantin Popovici.

    No setor feminino, o cenário foi bem diferente e a liderança pertenceu uma vez mais a Rhiannan Iffland. A atleta australiana somou a oitava vitória consecutiva no circuito mundial.

    Nos restantes lugares do pódio, o Canadá mostrou que é hoje, sem dúvida, uma das grandes potências da modalidade, com a estreante Molly Carlson a levar a prata e Jessica Macaulay o bronze.

    A segunda etapa da temporada levará pela primeira vez a Red Bull Cliff Diving World Series até Oslo, a capital da Noruega. A prova terá lugar no dia 14 de agosto.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Red Bull Cliff Diving
  • Competição
  • Red Bull Cliff Diving World Series
  • Saltos
  • Rhiannan Iffland
  • França
  • Catalin Preda
  • Fotografia
    Red Bull
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
julho 31
Porque motivo este verão está a ser tão ventoso? Pedro 'Pecas' explica
julho 28
Em Tóquio'2020, regressou o bom e velho Owen Wright: 'Muitos pensavam que não ia chegar às medalhas'
julho 28
Japão foi o país mais medalhado na prova olímpica de surf
julho 30
Projeto Ericeira WSR+10 discutiu o Turismo de Surf em nova conferência
julho 30
David Raimundo: “2021 foi o ano que mais me marcou”
julho 29
Yolanda Hopkins: “Se alguém me apoiar a sério, não vou desiludir”
julho 29
Frederico Morais já regressou aos treinos no mar