Homepage

  • Projeto 'INCLUSEA' vai desenvolver metodologia inovadora no ensino de surf adaptado
    18 maio 2021
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Surf Clube de Viana
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • O 'INCLUSEA' é cofinanciado pelo Erasmus+ Sport e desenvolvido em parceria por sete entidades de cinco países europeus.
  • O Surf Clube de Viana (SCV) e a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) vão realizar o webinar 'INCLUSEA' na próxima sexta-feira, dia 21 de maio, pelas 16h00.

    Este evento, que conta também com o apoio da Federação Portuguesa de Surf, servirá para apresentar este projeto inclusivo a agentes relevantes da comunidade portuguesa do surf adaptado, como associações, clubes, treinadores e a todos os que estejam ligados ou pretendam estar ligados à modalidade.

    O 'INCLUSEA', cofinanciado pelo Erasmus+ Sport e desenvolvido em parceria por sete entidades de cinco países europeus, tem por objetivo principal “criar e desenvolver uma metodologia inovadora para o ensino do surf adaptado”.

    Através de um processo, que se pretende altamente participativo e interdisciplinar, o 'INCLUSEA' visa avaliar, desenvolver e cocriar orientações de boas práticas para uma metodologia de ensino comum para profissionais de surf que trabalhem com pessoas com deficiências físicas e/ou sensoriais. Ajudando a estabelecer um padrão europeu comum para quem lidere o ensino do surf adaptado ou programas de terapia de surf.

    Para João Zamith, presidente do SCV, integrar este projeto pioneiro foi natural, tendo em conta toda a experiência, nacional e internacional, do clube e o saber acumulado na dinamização e no desenvolvimento do surf adaptado.

    “O 'INCLUSEA', ao criar uma ferramenta base de trabalho bem estruturada, trará uma alavancagem muito importante à modalidade, melhorando os benefícios de saúde e bem-estar dos participantes e promovendo uma maior inclusão no surf para pessoas com deficiência, seja para fins competitivos, recreativos e/ou terapêuticos, e uma maior igualdade de oportunidades”, explica.

    O 'INCLUSEA', que teve início no passado dia 1 de janeiro e que terminará a 30 de junho de 2023, é liderado por La Sociedad Regional de Educación Cultura e Deporte do Governo da Cantábria (Espanha), em parceria com o Município de Ribamontán al Mar (Espanha), o Surf Clube de Viana (Portugal), a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (Portugal), a Association Nationale Handi Surf (França), a Liquid Therapy Foundation (Irlanda) e o Deustcher Wellenreitverband EV (Alemanha).

    Link para aceder ao Webinar: AQUI

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Surf
  • Surf Adaptado
  • Projeto
  • INCLUSEA
  • Surf Clube de Viana
  • Federação Portuguesa de Surf
  • Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
  • Fotografia
    Surf Clube de Viana
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
fevereiro 01
Surf nacional lamenta perda de Pedro Lacerda
fevereiro 03
Lucas Fink, de Ipanema para as ondas grandes da Nazaré com a prancha de skimboard: 'Se o teu sonho não te dá medo, não estás a sonhar alto'
fevereiro 03
Sol e temperaturas acima dos 20ºC no primeiro fim de semana de fevereiro
fevereiro 03
Está a chegar o Circuito Regional de Surf do Sul 2023!
fevereiro 02
Tempo frio ainda deixa três distritos sob aviso amarelo
fevereiro 02
Praia da Empa coroou vencedores do Science Ericeira 2022
fevereiro 01
FUEL TV assegura transmissão do Winter Dew Tour 2023 à escala global