Homepage

  • Praias do Sri Lanka ameaçadas por toneladas de plástico libertadas por navio em chamas
    31 maio 2021
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Sri Lanka enfrenta aquela que é provavelmente a 'maior poluição' de praias da sua história.
  • Toneladas de plástico de um navio porta-contentores em chamas, ao largo da capital do Sri-Lanka, ameaçam causar um desastre ambiental no Oceano Índico. O incêndio enfraqueceu a estrutura do navio 'MV X-Press Pearl' de 186 metros, que pode quebrar e derramar petróleo.

    Além do combustível para o seu consumo, o navio tem armazenadas 278 toneladas de combustível e 50 toneladas de diesel marítimo. Uma operação internacional está a tentar evitar o derramamento, mas as praias já estão sob ameaça de outro foco de poluição, milhões de grânulos de plástico que se libertam da carga do navio.

    A limpeza das praias poluídas por essas toneladas de pequenas bolas de plástico, misturadas com combustível e outros detritos do navio levados pelo mar é um trabalho complicado para a Marinha do Sri Lanka que trabalha nesse sentido há vários dias, com um elevado número de efetivos e retroescavadoras, noticiou a agência noticiosa France-Presse.

    “Esta situação é como a do novo coronavírus. Não vemos o fim dela. Na sexta-feira retirámos todo o plástico de uma praia, mas com o que as ondas depositaram durante a noite, há mais. E há que recomeçar o trabalho”, disse Manjula Dulanjala, uma das marinheiras encarregues da limpeza, e que trabalha numa camada de plástico e entulho que atinge em alguns pontos a altura de 0,60 metros.

    “Esta é provavelmente a maior poluição de praia na nossa história”, disse Dharshani Lahandapura, presidente da Autoridade de Proteção Ambiental Marinha (MEPA).

    Os especialistas temem ainda que os microplásticos possam poluir todo o meio ambiente. Se os plásticos ainda inteiros são visíveis nestas praias com forte presença turística, os plásticos em decomposição na água são uma séria ameaça para as águas baixas desta região, conhecida em particular pelos seus caranguejos e camarões gigantes. Os cientistas estão a avaliar o impacto sobre os mangais (ecossistemas costeiros das regiões húmidas subtropicais) lagoas e a vida marinha local.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Poluição marinha
  • Poluição
  • Sri Lanka
  • Plástico
  • Desastre ambiental
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
outubro 03
Portugal arrecada 30 prémios nos Oscares Europeus dos Turismo
outubro 03
Curso de Treinadores de Surf Grau I de regresso ao Dr. Bernard Surf Center
outubro 03
Joel Rodrigues e Filipa Broeiro vice-campeões europeu de bodyboard
outubro 03
Surf Clube de Viana em destaque no Euro’Meet 2022 na Dinamarca
outubro 03
Francisco Santos sagra-se campeão nacional Sub-12
outubro 03
Rodrigo Carrajola sagra-se tricampeão nacional de bodysurf
setembro 30
Melhores bodysurfers nacionais a caminho da Praia do Guincho