Homepage

  • G-Mac e o legado para o futuro: 'Quero ser recordado como um guerreiro ecológico'
    21 abril 2021
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Mercedes
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Garrett McNamara quer ser lembrado pela luta que travou por um planeta Terra mais sustentável.
  • Faz 10 anos no próximo dia 1 de novembro de 2021 que Garrett McNamara estabeleceu na Praia do Norte, na Nazaré, o recorde mundial do Guinness da maior onda surfada, entretanto superado.

    G-Mac desceu uma massa de água de 23,77 metros, um momento que imortalizou não só este havaiano como também catapultou a Nazaré como palco de eleição à escala planetária para a prática do surf de ondas grandes.

    No entanto, para além dos feitos históricos dentro de água, Garrett luta também de há muitos anos a esta parte por um planeta Terra mais sustentável, isto numa altura em que as alterações climáticas e os seus efeitos são uma constante no globo.

    Esta luta por um mundo melhor é precisamente o legado que McNamara quer deixar para o futuro ao invés de tudo aquilo que já conseguiu ao surfar de forma destemida as maiores ondas do mundo.

    "Prefiro ser lembrado como um guerreiro ecológico do que como um surfista de ondas gigantes", afirmou Garrett McNamara esta quarta-feira durante o evento online da Mercedes-Benz de apresentação do novo Mercedes-EQ Lounge, localizado no Porto de Abrigo da Nazaré.

    Considerado um dos grandes pioneiros do surf de ondas na Nazaré, sendo mesmo para muitos o principal rosto deste fenómeno, o atleta de 53 anos confidenciou que jamais pensava que Portugal iria ficar para sempre gravado no seu coração.

    "Não sonhava vir a Portugal. Para ser sincero, nem conhecia o país, nem sabia se pertencia a Espanha ou se ficava nalguma parte de Marrocos. Quando chegámos a Portugal, não tínhamos expectativas. Mas fui ao farol da Nazaré e vi as maiores ondas da minha vida", garantiu.

    "Em 2010, se eu dissesse a alguém que as maiores ondas do mundo eram em Portugal, ninguém acreditava. E se disse que a Mercedes ia construir um 'lounge' ecológico no Porto de Abrigo da Nazaré, iam dizer que estava louco. Porém, agora é tudo realidade", concluiu Garrett McNamara.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Surf
  • ondas grandes
  • Sustentabilidade
  • Garrett McNamara
  • Portugal
  • Mercedes-Benz
  • Fotografia
    Mercedes
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
setembro 24
Teresa Bonvalot fora do Mundial ISA por lesão
setembro 24
David Raimundo: 'Portugal tem feito uma prova brilhante a todos os níveis'
setembro 24
João Aranha e a 'meta que está próxima' no Mundial ISA 2022
setembro 22
ISA anuncia datas do Mundial de 2023 em El Salvador
setembro 23
Portugal sofre três baixas mas continua na luta pelo pódio
setembro 23
Trio português garante passagem ao dia final do Mundial ISA
setembro 23
Surf de Norte a Sul do país na Semana Europeia do Desporto