Homepage

  • Cerca de 60 golfinhos sem vida deram à costa no Gana
    06 abril 2021
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Um fenómeno raro de acordo com as autoridades locais.
  • Cerca de 60 golfinhos e outros peixes deram à costa sem vida em três praias da costa do Gana durante o último fim de semana.

    Segundo as autoridades locais são ainda desconhecidas as causas que originaram esta situação. 

    "A equipa notou um grande número de pequenos peixes pelágicos (que vivem pouco abaixo da superfície da água) e de espécies demersais (espécies de águas mais profundas) que foram arrastados para a praia", disse Michael Arthur-Dadzie, director-geral da Comissão Nacional das Pescas.

    "Com base nas observações iniciais, os peixes não mostraram lesões ou ferimentos. É estranho e não podemos realmente dizer o que aconteceu, provavelmente no alto mar, para espécies raras como estas encalharem aqui", concluiu, acrescentando que foram recolhidas amostras num laboratório para tentar apurar as causas deste fenómeno, considerado raro.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia
  • mar
  • Gana
  • Ecossistema
  • Natureza
  • Meio Ambiente
  • Golfinhos
  • Peixes
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
abril 22
Teresa Bonvalot vai estar ausente do Allianz Figueira Pro
abril 22
Adiado o arranque do Campeoanto Nacional de Bodysurf 2021
abril 22
Europa viveu em 2020 o ano mais quente desde que existem registos
abril 22
GNR registou 1100 crimes ambientais em 2020
abril 22
Numa década quase duplicou o número de 'zonas mortas' nos oceanos
abril 22
Rebocada para zona segura a baleia encalhada na Praia de Santo António
abril 22
Allianz Figueira Pro tem chamada para as 9 horas de sexta-feira