Homepage

  • União Europeia financia projeto em São Tomé e Príncipe para transformar lixo em energia
    16 março 2021
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • O projeto arrancou hoje e terá a duração de 30 meses, sendo aplicado pela maior autarquia do país africano.
  • A União Europeia (UE) está a financiar em São Tomé e Príncipe, com 2,2 milhões de euros, um projeto de transformação do lixo em energia e outros "produtos de utilidade social", anunciou José Maria da Fonseca, presidente da Câmara Distrital de Água Grande.

    "Este projeto é fruto de um trabalho árduo feito entre a câmara e os parceiros espanhóis, portugueses e a União Europeia porque enfrentamos vários problemas relativos ao tratamento, reciclagem e gestão de resíduos sólidos", disse o presidente da instituição que faz a gestão desse projeto.

    Denominado Reforço Holístico para o Desenvolvimento Sustentável, o REHDES arrancou esta terça-feira e tem a duração de 30 meses, sendo implementado pela maior autarquia do país e virado para a gestão de resíduos sólidos urbanos.

    "Vamos promover com este projeto a economia circular que visa a criação de postos de emprego, promoção de atividades empresariais ligadas ao aproveitamento de resíduos sólidos e vamos reforçar a capacidade do pessoal tanto da câmara como de outras instituições", sublinhou José Maria da Fonseca.

    A cidade de São Tomé vai ter pela primeira vez um plano de gestão integrada de resíduos sólidos no quadro deste projeto que vai promover o desenvolvimento sustentável no distrito de Água Grande, melhorar as condições sociais, económicas e ambientais e diminuir riscos para a saúde.

    No âmbito deste projeto, vão ser instaladas quatro pequenas estações de compostagem comunitárias, duas estações de reciclagem, uma central de geração de energia através de resíduos e criadas quatro empresas na área de economia circular.

    O reforço das capacidades da Câmara Distrital de Água Grande na prestação de serviços públicos, a implementação de um sistema de recolha seletiva e tratamento de resíduos sólidos, integram ainda os objetivos deste projeto.

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Lixo
  • Sustentabilidade
  • são tomé e príncipe
  • África
  • Projeto
  • União Europeia
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
novembro 29
João Aranha: 'Dapin será sempre uma referência fundamental no surf nacional'
novembro 29
Surf português chora perda de 'Dapin'
novembro 29
Nasce na Madeira a maior área marinha da Europa com proteção total
novembro 26
Último fim de semana de novembro vai ter um pouco de tudo: frio, sol, nuvens, vento e aguaceiros
novembro 26
Já há nova data para a etapa inaugural do circuito Billabong Ericeira 2021 para as categorias Open, Masters e Feminino
novembro 26
Ítalo quer competir até aos 38 anos: 'Vou durar bastante tempo'
novembro 28
Lendário Reno Abellira sai do coma, após brutal agressão em Ala Moana