Homepage

  • Carros cheios de pó? Céu castanho? A culpa é de um fenómeno vindo de África
    31 março 2021
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • A concentração de poeiras deverá diminuir gradualmente ao longo desta quarta-feira. Amanhã serão apenas residuais.
  • Desde o início da Semana Santa que em algumas zonas de Portugal Continental quando chegaste ao teu veículo notaste que o mesmo estava cheio de pó nos vidros e carroçaria.

    Para quem esteja mais desatento às notícias, esta certamente é uma questão que fará dar algumas voltas à cabeça, pois em tempo de confinamento ninguém andou pelos trilhos de terra com os carros ou muito menos esteve nos famosos festivais de verão, que são tão pródigos em deixar as viaturas cobertas de pó.

    Pois bem, tudo deve-se ao aumento significativo da concentração de poeiras em Portugal Continental.

    Trata-se de um fenómeno com origem no Norte de África, sendo que as poeiras chegaram ao continente através da circulação induzida por uma depressão em altitude que afetou o território do arquipélago da Madeira e deslocou-se em direção ao território continental, explica o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

    Quando aliadas à queda de aguaceiros dispersos dão origem à denominada 'chuva de lama'. Com esta chuva, algumas poeiras são depositadas no solo. Por isso mesmo em determinados locais do país os veículos ficaram cobertos de pó.

    Esta elevada concentração de poeiras contribui para a degradação da qualidade do ar, agravamento de problemas de saúde, como por exemplo do foro respiratório, e ainda uma redução de visibilidade na atmosfera. Daí o facto de alguns locais em Portugal Continental terem apresentado um céu em tons de castanho ou acinzentado nos últimos dias.

    Diz o IPMA em comunicado oficial que nos "dias 29 e 30 de março ter-se-ão verificado os valores mais elevados de concentração de poeiras".

    Já para esta quarta-feira, dia 31 de março, "deverão verificar-se elevadas concentrações de poeiras, diminuindo gradualmente ao longo do dia". Amanhã, com o regresso da chuva previsto, as concentrações de poeiras no céu deverão ser "residuais".

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Portugal
  • Portugal Continental
  • ipma
  • chuva de lama
  • meteorologia
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
junho 24
Algas secas acumuladas vão ser removidas da Praia do Moinho em Carcavelos
junho 24
Evento de surf solidário chega em julho às ondas portuguesas
junho 24
Nuno Vitorino vai representar Portugal em Pantín
junho 23
Mundial ISA volta a El Salvador em 2023
junho 23
Cidades costeiras ameaçadas: nível do mar pode subir 60 centímetros até ao final do século
junho 23
Atenção à radiação UV esta quarta-feira: Portugal Continental em situação de risco muito elevado
junho 22
Dezenas de animais sem vida deram à costa no Sri Lanka após incêndio em navio