Homepage

  • Turistas surpreendidos com salto de golfinho na Madeira
    27 janeiro 2021
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Rota dos Cetáceos
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • A empresa que captou o momento afirma que nunca tinha visto um salto tão grande por parte de um golfinho.
  • Desta vez não foi nos Açores, mas sim na Madeira que os golfinhos voltaram a fazer as delícias de quem teve o privilégio de observar estes cetáceos.

    Recentemente, um grupo de turistas foi surpreendido por um gigante salto de um golfinho quando se encontravam a bordo de um bote da empresa marítimo-turística 'Rota dos Cetáceos'.

    O momento ficou registado através de uma fotografia, tendo sido posteriormente divulgado nas redes sociais da empresa. Na publicação feita, os responsáveis da 'Rota dos Cetáceos' escreveram que este foi o "maior salto" de golfinho visto pela entidade.

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Mar
  • Madeira
  • Avistamento
  • Golfinhos
  • Portugal
  • fotografia
  • Ecossistema
  • Meio Ambiente
  • Natureza
  • cetáceos
  • Fotografia
    Rota dos Cetáceos
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
dezembro 02
Primeiro fim de semana de dezembro vai ser frio, cinzento e chuvoso
dezembro 02
Grupos central e oriental dos Açores com aviso amarelo devido ao mau tempo e mar agitado
dezembro 02
Seleção Nacional de Surf Adaptado já partiu para o Mundial ISA 2022
dezembro 02
Ericeira Surf Clube participa em projeto que promove a sustentabilidade ambiental e não só
novembro 30
Chuva não fica para o feriado: sol vai brilhar
novembro 29
Governo australiano é contra a inclusão da Grande Barreira de Coral na lista de Património Mundial em perigo
novembro 29
38 anos depois, acordou o maior vulcão ativo do mundo