Homepage

  • Surf Web Series anuncia evento europeu e com portugueses na disputa
    31 janeiro 2021
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • O bicampeão nacional Miguel Blanco é um dos poucos nomes já divulgados pela organização.
  • O melhor surf europeu está de regresso. Mas, desta vez, em formato digital. As Surf Web Series, campeonato criado por Gary Linden durante o primeiro confinamento a nível global, continua a todo o gás e em fevereiro prepara-se para rumar à Europa.

    Este campeonato mundial online chegou a ter anunciada uma etapa para Portugal, precisamente para o início de 2021. Contudo, a organização anunciou agora um campeonato europeu, de forma a englobar mais surfistas. O E-Pro Europe tem início marcado para 15 de fevereiro e será a oitava paragem deste circuito.

    Segundo uma publicação feita no Instagram das Surf Web Series, há já vários nomes sonantes inscritos neste evento que tem vindo a ganhar cada vez mais mediatismo ao longo dos meses. O italiano e membro do WCT Leo Fioravanti surge como grande cabeça de cartaz. No entanto, também há um português já confirmado.

    O bicampeão nacional Miguel Blanco é um dos poucos nomes já divulgados pela organização, sendo referido “como antigo wildcard de etapas do WCT”. A Blanco e Fioravanti, juntam-se ainda o francês e antigo campeão mundial júnior Maxime Huscenot e o espanhol Vicente Romero.

    Os surfistas interessados podem concorrer com os vídeos das duas melhores ondas. Depois de escolhido o lote de concorrentes, a prova segue em eliminatórias, até à grande final. Em jogo estão vagas para a final mundial deste campeonato, que estão reservadas para os quatro primeiro surfistas, ou seja, os que chegam às meias-finais.

    Entretanto, por estes dias termina o evento peruano, o sétimo do calendário. Na final masculina Lucca Mesinas e Alonso Correa discutem o triunfo, enquanto na prova feminina a ex-campeã mundial Sofia Mulanovich defronta Melanie Giunta no heat decisivo.

    Entre os vencedores das etapas já realizadas contam-se nomes bem fortes do WQS, como o brasileiro Thiago Camarao, o australiano Reef Heazlewood ou o mexicano Sebastian Williams.  

    Depois do Peru, todos os caminhos vão dar à Europa, com a organização a esperar surfistas e ondas de vários sítios, desde as ondas portuguesas até aos beach break franceses, passando por outros tantos países, como Reino Unido, Espanha ou Itália. Em março o circuito segue para os Estados Unidos e, depois, a última etapa acontecerá no Havai.

    Sabe mais em https://www.surfwebseries.com/.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Miguel Blanco
  • Surf Web Series
  • E-Pro Europe
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
agosto 15
Tony Laureano enfrenta ondas gigantes chilenas em competição
agosto 15
Sismo sentido este domingo no Algarve
agosto 12
Vasco Ribeiro anuncia pausa na carreira
agosto 12
Banhos voltam a ser autorizados na Praia da Batata em Lagos
agosto 10
Buondi anuncia os vencedores das 7 cadeiras anfíbias Turtle
agosto 10
Dois animais marinhos devolvidos ao habitat natural ao largo de Aveiro
agosto 10
Água da Praia de Vila Praia de Âncora está imprópria para banhos