Homepage

  • Rodrigo Carrajola e Jaime Bonito renovam os títulos nacionais de bodysurf
    25 outubro 2020
    arrow
    arrow
  • O evento contou com 28 atletas inscritos que competiram nas categorias Open e Júnior.
  • A Praia do Guincho, no concelho de Cascais, recebeu ontem a etapa única do Campeonato Nacional de Bodysurf.

    Este ano, o campeonato foi realizado num formato diferente devido à atual pandemia de Covid-19, que impediu a realização de um maior número de eventos. 

    Em competição, no campeonato organizado pela Associação Surf Social Wave, estiveram as categorias Open e Júnior. A primeira contou com a inscrição de 24 bodysurfers, enquanto o escalão júnior teve a presença de quatro atletas.

    O dia foi de ondas a rondar o metro com uma brisa ligeira de sul. Desde cedo, os favoritos começaram a mostrar que apesar do ano difícil mantiveram a sua boa forma. 

    Na final da categoria Open, Rodrigo Carrajola saiu vencedor, tendo revalidado o título obtido o ano passado. 

    Uma final que foi amarga para o tricampeão nacional Miguel Rocha, pois cometeu um erro que acabou por condicionar desde logo as suas aspirações ao título.

    Miguel Rocha fez uma interferência sobre Tiago Ramos, que lhe custou metade da pontuação da sua segunda melhor onda.

    Assim, Miguel teve de contentar-se com o vice-campeonato. No terceiro lugar ficou Tiago Ramos, que realizou uma prova consistente ao longo da jornada. Seguiu-se Jaime Bonito, que chegou à final desgastado devido às muitas baterias que surfou ao longo do dia, uma vez que competiu nas categorias Open e Júnior.

    Já a final da categoria Júnior foi talvez uma das baterias mais disputadas de todo o campeonato. Entraram poucas ondas, mas os atletas lutaram onda a onda pela vitória.

    O triunfo acabou por ficar nas mãos de Jaime Bonito que à semelhança de Rodrigo Carrajola, na categoria Open, revalidou o título conquistado em 2019.

    Em segundo lugar ficou Rafael Elias. Este nos últimos minutos ultrapassou Tiago Mesquita, também ele participante nas categorias Open e Júnior, pelo que apresentou já algum desgaste no heat decisivo entre os juniores. No quarto posto ficou o estreante Carlos Guimarães.

    Para António Pedro, da Associação Surf Social Wave e mentor do Campeonato Nacional de Bodysurf desde o seu início, esta "prova foi uma vitoria de uma modalidade desportiva ainda jovem, mas com grande potencial. Foi sem dúvida um dia bom num ano mau do ponto de vista da possibilidade de organização de eventos, sendo de destacar a adesão dos atletas".

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Praia
  • Mar
  • Portugal
  • Bodysurf
  • Campeonato Nacional de Bodysurf
  • Federação Portuguesa de Surf
  • FPS
  • Associação Surf Social Wave
  • Câmara Municipal de Cascais
  • Rodrigo Carrajola
  • Jaime Bonito
  • Competição
  • Evento
  • Miguel Rocha
  • Praia do Guincho
  • cascais
  • Fotografia
    Sara Silve e Janna Guichet
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
novembro 25
Steph, Parko e outros tops avançam com primeiro resort de surf australiano
novembro 25
Praia de Albarquel conquista prémio 'Praia + Acessível 2020'
novembro 24
Irmã de Medina arrasa concorrência pelo Brasil
novembro 25
Zmar promove campanha Black Friday
novembro 25
Mais 82 autos levantados por campismo e autocaravanismo ilegais em Vila do Bispo
novembro 25
The Base Surf Store celebra Black Friday com campanha especial
novembro 25
Odeceixe Surf School anuncia aulas aos fins de semana para crianças
pub