Homepage

  • Espanha cancela provas do nacional de surf devido à pandemia
    28 outubro 2020
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    wsl
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Esta decisão surge numa altura em que a WSL começa a fazer a contagem decrescente para o regresso do circuito mundial.
  • A segunda vaga da pandemia da Covid-19 continua a afetar a Europa e os campeonatos de surf voltaram a sair afetados. Se em Portugal grande parte dos circuitos coroaram os seus campeões, incluindo a Liga MEO Surf, que realizou as cinco etapas previstas inicialmente, aqui ao lado, em Espanha, não se passa o mesmo.

    A Federação Espanhola de Surf anunciou esta semana o cancelamento das etapas do circuito nacional que se iriam realizar nas próximas semanas na Galiza e nas Astúrias. Isto numa altura em que o número de infetados no país vizinho continua a subir para patamares cada vez mais preocupantes.

    O responsável máximo do surf espanhol justificou a decisão com o facto de não estarem reunidas condições sanitárias para a realização das etapas que aconteceriam em Pantín e Gijón. “Os piores cenários estão a tornar-se reais”, apontou Lourenço Chaves de Almeida.

    Ainda assim, a etapa final do circuito espanhol, assim como a do circuito de bodyboard continuam marcadas para dezembro, embora em ambos os casos se esteja a falar de etapas insulares, marcadas para as Canárias. Até ao momento, mesmo que sem datas oficiais, estas provas não foram canceladas.

    Esta decisão surge numa altura em que a WSL começa a fazer a contagem decrescente para o regresso do circuito mundial, que acontecerá em novembro para as mulheres e em dezembro para os homens, em ambos os casos no Havai. Só que com a segunda vaga da pandemia a varrer o Mundo, há já alguns rumores sobre as dificuldades que irá haver para recomeçar os circuitos, sobretudo tendo em conta que surfistas de todo o Mundo terão de viajar e entrar en território norte-americano.

    Entretanto, outros países continuam a disputar provas e a coroar os seus campeões. Foi isso que aconteceu este fim-de-semana na Nova Zelândia, com Kehu Butler e Natasha Gouldsbury a sagrarem-se campeões. Mais para a Escandinávia, foi o algarvio Luca Guichard que teve razões para festejar, ao sagrar-se campeão nacional norueguês.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Espanha
  • Campeonatos
  • Covid-19
  • Fotografia
    wsl
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
novembro 25
Steph, Parko e outros tops avançam com primeiro resort de surf australiano
novembro 25
Praia de Albarquel conquista prémio 'Praia + Acessível 2020'
novembro 24
Irmã de Medina arrasa concorrência pelo Brasil
novembro 25
Zmar promove campanha Black Friday
novembro 25
Mais 82 autos levantados por campismo e autocaravanismo ilegais em Vila do Bispo
novembro 25
The Base Surf Store celebra Black Friday com campanha especial
novembro 25
Odeceixe Surf School anuncia aulas aos fins de semana para crianças
pub