Homepage

  • Yolanda Hopkins de luxo canta vitória na Miss Costa Nova Cup
    04 setembro 2020
    arrow
    arrow
  • A atual campeã nacional obteve um triunfo importante para as contas do campeonato, que continua a ter Teresa Bonvalot a envergar a licra amarela.
  • Pelo segundo ano consecutivo foi Yolanda Hopkins a sair vencedora da Miss Costa Nova Cup, evento especial dedicado exclusivamente às senhoras do surf português e que pontua para o ranking nacional feminino.

    O dia de todas as decisões foi bastante longo na emblemática Praia da Costa Nova, pois devido ao muito nevoeiro que se fez sentir desde as primeiras horas da manhã, apenas durante a tarde houve ação dentro de água.

    O intenso nevoeiro verificado obrigou à mudança da prova organizada pela Associação de Surf de Aveiro para uma zona mais a norte da praia ilhavense, isto para facilitar a visibilidade dos juízes no momento do visualizar e avaliar as manobras realizadas pelas surfistas. Uma escolha acertada, pois não faltaram boas ondas.

    Ao contrário do que sucedeu em 2019, este ano o triunfo na Costa Nova não deu o título nacional de surf Open a Yolanda Hopkins, mas a vitória alcançada é muito importante para as contas da surfista portuguesa nesta época de 2020, onde luta pela revalidação do título nacional.

    Yolanda saiu vencedora da Praia da Costa Nova, localizada no concelho de Ílhavo, após uma jornada onde exibiu um surf poderoso, pautado por momentos de excelência, que não deu hipóteses à feroz concorrência, encabeçada por Teresa Bonvalot.

    Nesta sua caminhada para a primeira vitória do ano em provas a pontuar para o ranking nacional, Yolanda Hopkins venceu as quatro baterias em que esteve presente ao mesmo tempo que anotou as quatro melhores ondas da competição (9,65, 9,15, 8,55 e 8,50 pontos), bem como as duas melhores pontuações combinadas (18,15 e 17,70 pontos).

    Na final, a atual campeã nacional derrotou Teresa Bonvalot, numa bateria de sentido único. Yolanda entrou a todo o gás no heat decisivo e rapidamente colocou uma pedra na final ao deixar Teresa em combinação. Esta, apesar dos esforços não conseguiu inverter o rumo dos acontecimentos. Yolanda Hopkins terminou o heat decisivo com 14,50 pontos em 20 possíveis contra apenas 7,80 pts da sua rival.

    "Este era o resultado que pretendia. Ílhavo tem sempre boas ondas para o meu tipo de surf. Tudo correu bem para o meu lado e uma vez mais senti-me em casa, pois sou muito acarinhada neste local. Tenho o objetivo de renovar o título de campeã nacional e agora estou mais perto, porque nas outras provas fiquei um pouco para trás”, confidenciou Yolanda Hopkins, que conquistou também o prémio Miss Simpatia.

    Já Teresa Bonvalot, que três anos depois voltou a competir na Miss Costa Nova Cup, referiu que este foi um "dia longo devido ao nevoeiro, mas foi uma boa chamada porque as ondas estavam boas. Na final não encontrei as ondas certas. São situações que acontecem. Agora é tempo de olhar em frente. Tento sempre seguir passo a passo e melhorar os erros, as pranchas e tudo o resto, de modo a estar sempre mais forte”, concluiu a atleta do Sporting Clube de Portugal.

    Apesar de não ter conseguido saborear a vitória no evento, Teresinha continuar a envergar a licra amarela, símbolo de líder do ranking nacional. Isto num ano onde, até ao momento, já obteve duas vitórias (Figueira da Foz e Sintra) nas quatro provas pontuáveis para o ranking nacional já realizadas.

    No entanto, daqui em diante Bonvalot vai lutar contra uma outra estatística para além da réplica oferecida pelas rivais dentro de água. É que nos últimos sete anos a surfista que venceu em Ílhavo acabou por sagrar-se campeã nacional. Será que a tradição irá manter-se?

    Para já, Teresa Bonvalot tem 270 pontos de vantagem sobre Yolanda Hopkins, que com este triunfo subiu ao segundo lugar do ranking nacional. Mais atrás, a 510 pontos do primeiro posto, encontra-se Carolina Mendes. 

    Nesta 16ª edição da Miss Costa Nova Cup destaque ainda para Mafalda Lopes e Carolina Santos, duas atletas que ficaram no terceiro posto depois de terem ficado pelo caminho nas meias-finais. Mafalda, que foi derrotada por Yolanda Hopkins, obteve até ao momento o seu melhor desempenho da época.

    Já Carolina Santos, que foi eliminada por Teresa Bonvalot, igualou a prestação obtida no Allianz Ericeira Pro, no passado mês de julho. Com esta performance, a surfista do MEO H-Team foi a melhor atleta Sub-18 em prova. Isto significa que Carolina garantiu o wildcard para o Pro Júnior Europeu, evento da World Surf League a realizar em Espinho no próximo mês de outubro.

    A jovem Carolina Santos esteve ainda no centro das atenções ao estar diretamente ligada à eliminação de Carolina Mendes, segunda classificada do ranking nacional à partida para esta prova. Carol, que na primeira ronda havia obtido a melhor pontuação combinada, ficou pelo caminho na terceira ronda e com isso perdeu pontos importantes na luta pelo título.

    Concluída a 16ª edição da Miss Costa Nova Cup, o próximo evento a contar para o ranking nacional feminino será o Renault Porto Pro, que decorrerá entre os dias 18 e 20 de setembro.

    Ranking nacional feminino após 4 etapas:

    1ª Teresa Bonvalot, 3590 pontos
    2ª Yolanda Hopkins, 3320 pts
    3ª Carolina Mendes, 3080 pts
    4ª Kika Veselko, 2625 pts
    5ª Gabriela Dinis, 2525 pts

     

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Praia
  • Mar
  • Portugal
  • Competição
  • Surf
  • Miss Costa Nova Cup
  • Yolanda Hopkins
  • Teresa Bonvalot
  • Carolina Santos
  • Carolina Mendes
  • Mafalda Lopes
  • Praia da Costa Nova
  • Ílhavo
  • Turismo Centro de Portugal
  • Câmara Municipal de Ílhavo
  • FPS
  • Federação Portuguesa de Surf
  • Associação de Surf de Aveiro
  • Fotografia
    Miss Costa Nova Cup/André Neto
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
outubro 28
26 provas de que o melhor John John Florence está de volta
outubro 27
O Canhão da Nazaré vai voltar à carga: Swell gigante a chegar
outubro 27
Anualmente, quase 230 mil toneladas de plástico são deitadas no Mediterrâneo
outubro 27
Machico recebeu 2ª etapa do Circuito Regional da Madeira de SUP Race
outubro 27
Zmar muda data da programação especial de Halloween
outubro 27
Tom Butler faz pausa na carreira das ondas grandes e critica WSL
outubro 27
Taitiano Matahi Drollet faz história com um tubo de… foil
pub