Homepage

  • Afonso Antunes e Teresa Bonvalot mais próximos dos títulos nacionais
    19 setembro 2020
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Jorge Matreno/ANSurfistas
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Para domingo a chamada está marcada para as 8 horas, prevendo-se uma longa manhã de ação, com emoções fortes à mistura.
  • A Praia Internacional voltou a oferecer, este sábado, ondas com tamanho e potencial aos melhores surfistas nacionais, num segundo dia do Renault Porto Pro que ficou marcado por condições desafiantes e uma tempestade que acabou por obrigar a parar a competição à entrada das rondas decisivas. Teresa Bonvalot e Afonso Antunes destacaram-se novamente na etapa nortenha e ficaram mais perto de garantir o título nacional de forma antecipada. Domingo é dia de se conhecer os campeões da quarta e penúltima etapa da Liga MEO Surf 2020, com possibilidade de também se coroarem os campeões nacionais.

    Requisitos para Afonso Antunes ser Campeão Nacional no Renault Porto Pro:

    – Vencer a etapa e esperar que Frederico Morais não chegue à final;

    Requisitos para Teresa Bonvalot ser Campeã Nacional no Renault Porto Pro:

    – Vencer a etapa;
    – Ou ficar no 2.º posto e esperar que Yolanda Hopkins ou Carolina Mendes não vençam a etapa;

    A ação retomou ao início da manhã com a 2.ª ronda masculina, com o mar a apresentar-se maior, mas não tão perfeito como na véspera. Ainda assim, existiram várias oportunidades para os surfistas conseguirem pontuações altas, quase sempre graças ao surf power. Nesta fase da prova destacaram-se as performances de Guilherme Ribeiro, Eduardo Fernandes e Frederico Morais, mas, acima de tudo, a de Afonso Antunes, que, aos 17 anos, não acusou a pressão da luta pelo título, vencendo a sua bateria com um score de 13,50 pontos - o melhor da ronda. Afonso repetiu a receita da parte da tarde, somando precisamente o mesmo score para alcançar mais um triunfo sólido, desta vez na 3.ª ronda.

    Ainda assim, Frederico Morais e Vasco Ribeiro, que são os rivais mais diretos de Afonso, ocupando atualmente o 2.º e 3.º posto do ranking, respetivamente, elevaram o nível na 3.ª ronda, conseguindo dar uma resposta ao nível e maturidade exibidos pelo jovem líder do ranking nacional. Kikas venceu a terceira bateria da ronda com um score de 13,75 pontos, enquanto Vasco Ribeiro, logo de seguida, fechou o dia com um triunfo expressivo entre vários surfistas de relevo. Vasco somou 15,50 pontos, deixando Luís Perloiro no 2.º posto e ajudando a eliminar João Kopke e Francisco Alves.

    Com os quartos-de-final man-on-man já decididos preveem-se grandes embates para o dia final do Renault Porto Pro. No primeiro heat da ronda o bicampeão nacional Miguel Blanco mede forças com Francisco Almeida, enquanto Afonso Antunes vai ter pela frente o experiente Eduardo Fernandes e Frederico Morais vai enfrentar Luís Perloiro. Já Vasco Ribeiro compete frente ao jovem Martim Paulino, que é a grande sensação desta etapa. Em perspetiva está, assim, um embate entre Kikas e Vasco nas meias-finais, com Afonso à espreita. Isto porque se Afonso Antunes vencer a etapa e Frederico não chegar à final, o jovem surfista garante o título nacional de forma antecipada. Caso contrário, fica tudo adiado para a etapa final, a disputar-se em Outubro, em Cascais.

    Heats dos quartos-de-final masculinos:

    H1: Miguel Blanco x Francisco Almeida
    H2: Afonso Antunes x Eduardo Fernandes
    H3: Frederico Morais x Luís Perloiro
    H4: Vasco Ribeiro x Martim Paulino

    Na prova feminina o destaque foi novamente para a líder do ranking Teresa Bonvalot. Na única vez que entrou na água este sábado, Teresa esteve em grande plano, conseguindo um triunfo folgado, com um score de 15,50 – abaixo dos 16,60 de ontem, mas novamente com o melhor registo do dia – e com uma onda de 9 pontos (máximo de 10) pelo meio. Quem também esteve em bom plano foi a jovem campeã nacional Sub-16 Gabriela Dinis, que conseguiu uma onda de 8 pontos, que a ajudou a vencer o último heat da ronda. Antes disso, já a campeã Sub-18 Carolina Santos e a campeã nacional Yolanda Hopkins também tinham conseguido triunfar nesta fase.

    No domingo a ação deverá retomar com a 3.ª ronda feminina, onde as oito surfistas ainda em prova vão lutar por uma das quatro vagas disponíveis para as meias-finais. Isto numa altura em que Teresa Bonvalot está a apenas três heats de ser campeã nacional pela terceira vez na carreira. Caso Teresa vença a etapa é automaticamente campeã, mas o segundo lugar também lhe garante o título desde que Yolanda Hopkins e Carolina Mendes não vençam a etapa. Para já, a surfista do Guincho, de 20 anos, vai ter de se concentrar no próximo heat, onde terá pela frente a forte concorrência de Gabriela Dinis, Camilla Kemp e Kika Veselko.

    Heats da 3.ª ronda feminina:

    H1: Carolina Santos x Yolanda Hopkins x Carolina Mendes x Mafalda Lopes
    H2: Teresa Bonvalot x Gabriela Dinis x Camilla Kemp x Kika Veselko

    A manhã deste sábado ficou ainda marcada pela celebração do World Clean-up Day, que consistiu na realização de uma iniciativa de sensibilização, seguida de limpeza de praia, com a marca da Fundação Altice e com o apoio da Plastic Sundays. Os surfistas do MEO H-Team uniram-se ao campeão nacional Miguel Blanco e aos demais voluntários nesta iniciativa e deram o exemplo em prol do planeta.

    Para domingo a chamada está marcada para as 8 horas, prevendo-se uma longa manhã de ação, com emoções fortes à mistura. Além das finais, que deverão ser disputadas ao início da tarde, haverá ainda lugar à Renault Expression Session.

    Agenda para domingo, 20 de Setembro:

    08h00 – Call terceiro dia de competição
    12h30 – Renault Expression Session (por confirmar)
    13h00 – Finais do Renault Porto Pro (por confirmar)
    14h00 – Cerimónia de Entrega de Prémios do Renault Porto Pro (por confirmar)

    Em termos de troféus laterais, acrescem a luta pela melhor manobra na Renault Expression Session e pela Somersby Onda do Outro mundo (ambos com 2.500€ anuais), e a disputa do Santander Award, a definir no final do ano com ponderação entre a performance desportiva e aproveitamento escolar. Destaque ainda para o Bom Petisco Girls Score, o primeiro prémio exclusivamente dedicado às senhoras, com 2.500€ anuais para a melhor pontuação combinada no quadro de competição feminino.

    O Renault Porto Pro pode ser acompanhado a partir de casa com transmissão integral em direto na Sport TV, assim como nos restantes meios oficiais: facebook do MEO, na posição 810 da grelha de canais MEO, em ligameosurf.pt e redes sociais em @ansurfistas.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Porto
  • Tempestade
  • matosinhos
  • Renault Porto Pro
  • liga meo surf
  • Afonso Antunes
  • Teresa Bonlavot
  • frederico morais
  • Fotografia
    Jorge Matreno/ANSurfistas
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
janeiro 19
Municípios de Matosinhos e Vila do Conde encerram marginais
janeiro 19
Os “ex-futuros” campeões mundiais que estão a envelhecer... sem títulos
janeiro 19
Está a chegar a depressão Gaetan, estado do tempo vai agravar-se
janeiro 19
Alterações climáticas deverão mudar zona das chuvas tropicais
janeiro 19
A super sessão num Outer Reef do North Shore vista de drone (VÍDEO)
janeiro 18
Governo japonês continua a garantir realização de Tóquio'2020, apesar do crescimento da pandemia
janeiro 18
'Bolas de Neptuno', os resíduos que ajudam a retirar o plástico do mar