Homepage

  • Vasco Ribeiro rebenta com a escala em Pantín
    21 agosto 2020
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Pantín Classic Pro
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Portugal colocou dois surfistas entre os 16 finalistas da prova galega.
  • A armada lusa viveu esta sexta-feira mais um dia extremamente positivo no Pantín Classic Pro, desta vez numa jornada dedicada exclusivamente à prova masculina e ondas Vasco Ribeiro esteve em especial destaque, com ondas bem grandes e ao estilo havaiano. O surfista português conseguiu as melhores ondas do dia, ficando por duas vezes perto da perfeição, e também o melhor score do dia.

    Os surfistas portugueses estiveram em bom plano na ronda 2, com José Champalimaud a dar o mote com um triunfo no heat 2. Depois foi a vez de Vasco Ribeiro entrar em cena e vencer a bateria 4 com um score de 15,37 pontos (máximo de 20). Pelo meio Vasco conseguiu uma onda de 9,70 pontos, com um dos juízes a dar mesmo a nota máxima (10 pontos), graças a duas manobras fortíssimas num dia marcado por mar desafiante.

    Depois registaram-se ainda as qualificações de Gabriel Ribeiro, Luís Perloiro, Joaquim Chaves, Guilherme Ribeiro e Pedro Coelho, todos na segunda posição dos respetivos heats. Nesta fase, apenas ficou pelo caminho João Pereira, surfista de Viana do Castelo, e ainda o campeão nacional Miguel Blanco, que acabou por não comparecer em prova.

    A ação avançou ainda para a 3.ª ronda, onde Vasco Ribeiro elevou ainda mais o nível, ficando novamente perto de conseguir a pontuação perfeita. Noutra onda bem grande, Vasco repetiu a receita, com duas manobras power, que lhe renderam 9,83 pontos, com três dos cinco juízes a darem os 10 pontos. O surfista do Estoril juntou ainda um 8,33, que rendeu um total de 18,16 pontos e mais um triunfo rumo à 4.ª ronda.

    Joaquim Chaves também conseguiu avançar para a ronda seguinte, depois de ter sido 2.º classificado no heat 5. Em sentido inverso, José Champalimaud, Gabriel Ribeiro, Luís Perloiro, Pedro Coelho e Guilherme Ribeiro ficaram pelo caminho nesta 3.ª ronda.

    Portugal coloca assim dois surfistas entre os 16 finalistas da prova galega, a primeira a acontecer a nível internacional no pós-pandemia. Na próxima ronda Vasco Ribeiro vai medir forças com o francês Charly Quivront e com os espanhóis Andy Criere e Luis Diaz em busca de um lugar nos quartos-de-final. Já Joaquim Chaves está no heat 4, onde defronta o espanhol Vicente Romero, o basco Aritz Aranburu e o francês Maxime Huscenot.

    A prova feminina teve esta sexta-feira dia de descanso, devendo regressar amanhã à água. Teresa Bonvalot e Carolina Mendes estão apuradas para os quartos-de-final e, por isso, também na luta pelo triunfo neste Pantín Classic Pro, um dos eventos mais antigos da Europa e que tradicionalmente faz parte do circuito WQS, embora este ano isso não aconteça. As finais aconteçam já este sábado. 

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Pantin Classic Pro
  • Vasco Ribeiro
  • Pantín
  • Joaquim Chaves
  • Galiza
  • Fotografia
    Pantín Classic Pro
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
outubro 18
Bodyboarders profissionais homenagearam o malogrado Tom Morey
outubro 18
Há mais de 3 mil toneladas de plástico a flutuar no Mar Mediterrâneo
outubro 18
Voluntários recolheram 28 kg na limpeza da duna da Cresmina e áreas envolventes
outubro 15
Fim de semana chega com tempo mais cinzento e regresso da chuva nas regiões Norte e Centro
outubro 15
Recolhidos 10 kg de lixo marinho na Praia do Samouco (Galeria Fotos)
outubro 15
Nasceu a Matosinhos Surf School Cup: a nova competição para as escolas de surf do concelho
outubro 15
Faleceu Tom Morey, o Pai do Bodyboard