Homepage

  • Portugueses em força no Pantín Classic
    16 agosto 2020
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    wsl
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Ao todo estarão 18 surfistas portugueses em prova, com oito surfistas na prova feminina e mais dez na masculina.
  • É já esta terça-feira que arranca o Pantín Classic Pro, um dos eventos mais históricos campeonatos do circuito WQS, mas que este ano se realizará como evento especial e sem a tutela da WSL. Em prova vão estar dezenas de surfistas portugueses. Até domingo uma extensa elite de surfistas europeus vai lutar pelo triunfo num dos mais antigos campeonatos da Europa e que será a primeira prova a nível internacional no pós pandemia.

    Vasco Ribeiro, Miguel Blanco, Teresa Bonvalot, Carolina Mendes e Yolanda Hopkins serão algumas das estrelas portuguesas em ação e que irão liderar a extensa armada portuguesa em prova. Ao todo estarão 18 surfistas portugueses em prova, com oito surfistas na prova feminina e mais dez na masculina.

    Do lado feminino, Teresa Bonvalot e Carolina Mendes terão estatuto de cabeças-de-série e só entrarão em cena na 2.ª ronda. Na primeira ronda está a campeã nacional Yolanda Hopkins, assim como as jovens Carolina Santos, Camila Cardoso, Mafalda Lopes, Raquel Otero e Leonor Fragoso.  

    Já na prova masculina o bicampeão nacional em título Miguel Blanco, Vasco Ribeiro, Luís Perloiro, Joaquim Chaves e Pedro Coelho serão os surfistas com entrada direta para a 2.ª ronda, enquanto José Champalimaud, Diogo Duque, Gabriel Ribeiro, Guilherme Ribeiro e João Pereira iniciam a prova na ronda inaugural.

    Destaque ainda para a presença de nomes bem conhecidos do surf nacional no lote de inscritos, como a antiga campeã nacional Camilla Kemp, Marlon Lipke ou Dylan Groen, todos eles residentes em Portugal mas atualmente a representarem a Alemanha, assim como Gony Zubizarreta e Arran Strong, que também vivem no nosso país, embora o primeiro represente a Espanha e o segundo a Grã-Bretanha.

    Os principais nomes em prova vão ser o francês Joan Duru e o basco Aritz Aranburu, dois antigos competidores do WCT, tal como Marlon Lipke, ou também o antigo campeão mundial júnior Maxime Huscenot e até de um sul-africano top 100 mundial, Slade Prestwich. A francesa Pauline Ado é a única ex-representante do WWT presente no quadro feminino.

    A ação em Pantín arrancou no sábado com um campeonato regional galego, cujos vencedores conseguiram entrada neste principal evento. Esta segunda-feira é dia de prova especial de surf adaptado. E amanhã estará, finalmente, de regresso o melhor surf europeu! A prova pode ser acompanhada em https://classicsurfpro.com/ ou na praia, embora o público interessado em visitar o evento tenha de fazer um registo prévio.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Galiza
  • Pantin Classic Pro
  • Teresa Bonlavot
  • Vasco Ribeiro
  • Miguel Blanco
  • Yolanda Hopkins
  • Carolina Mendes
  • Fotografia
    wsl
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
outubro 23
A hora vai mudar: relógios atrasam 60 minutos na madrugada de domingo
outubro 25
Rodrigo Carrajola e Jaime Bonito renovam os títulos nacionais de bodysurf
outubro 24
Do susto ao título: Joana Schenker é heptacampeã nacional de bodyboard
outubro 21
Costa da Morte, na Galiza, quer ser Reserva Mundial de Surf
outubro 24
Guincho recebe etapa única do Nacional de Bodysurf
outubro 23
Fim de semana chega com sábado soalheiro e chuva no domingo
outubro 23
Três surfistas resgatados na Praia da Barra
pub