Homepage

  • Empresa portuguesa produz viseiras a partir de plástico recolhido dos oceanos
    09 julho 2020
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Com este processo, a empresa Full Cycle dá uma segunda vida aos resíduos que poluem os oceanos ao mesmo tempo que contribui para a proteção dos cidadãos em tempo de pandemia.
  • Foi a pensar numa forma de reutilizar o muito plástico que tem como destino os oceanos que a Full Cycle, empresa portuguesa de recursos renováveis, decidiu dar uma segunda vida a estes resíduos.

    Como tal, a Full Cycle aproveita o plástico recolhido nos oceanos para a produção de protetores de orelhas, peças de acessibilidade e viseiras, equipamento que nesta fase de pandemia de Covid-19 ganhou uma extrema importância, pois serve de proteção individual face à propagação deste temido vírus. 

    "Com este processo, a Full Cycle consegue valorizar os resíduos plásticos que poluem os oceanos, dando-lhes uma segunda vida, ao mesmo tempo que cria uma economia que fomenta a reciclagem e viabiliza estes sistemas de recolha. Para além da redução da quantidade de plásticos nos oceanos, este projeto promove também a reciclagem de redes e outros equipamentos de pesca que são responsáveis pelo ghost fishing e, como tal, contribui para manter a biodiversidade marítima, diminuindo a morte de fauna marítima presa nas redes”, explica Francisco Tenente, co-fundador da Full Cycle, em comunicado.

    O protetor de orelhas e as peças de acessibilidade são feitos com material totalmente reciclado e são necessárias 8 e 40 gramas de plástico reciclado, respetivamente, para fabricar cada uma destas peças.

    No caso da viseira, o plástico reciclado é usado apenas no suporte e nas peças de reforço, o que representa 25 gramas de resíduos reciclados. O objetivo da Full Cycle, porém, é dar mais um passo em frente e procurar alternativas que permitam produzir uma nova versão onde todas as peças serão feitas a partir de plástico 100% reciclado.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Portugal
  • Mar
  • Viseiras
  • Plástico
  • Lixo Marinho
  • Poluição
  • Oceanos
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
agosto 05
FPS concentra calendário competitivo até outubro para fugir a hipotético confinamento
agosto 05
Pedaços de plástico têm dado à costa nas praias de Ílhavo
agosto 05
Baleia de 8 metros deu à costa na Praia de São Jacinto
agosto 05
Praia da Nazaré está interdita a banhos
agosto 05
Imagens de satélite descobrem 11 novas colónias de pinguins-imperadores na Antártida
abril 30
Oficial: Surf está de regresso a 4 de maio
julho 30
Locais destacam “maior consistência” de Supertubos em Fevereiro
pub