Homepage

  • IPMA vai ter previsões do Japão pata ajudar missão olímpica portuguesa
    15 maio 2020
    arrow
    arrow
  • O surf é um dos desportos em que Portugal já garantiu vaga em Tóquio, graças a Frederico Morais.
  • Os atletas portugueses que irão marcar presença em Tóquio’2021 irão ter a partir de agora uma nova ferramenta que poderá ser útil para proporcionar mais uma ajuda nos treinos. O IMPA estabeleceu uma parceria com o Comité Olímpico Português que visa apoiar a missão olímpica e que fornecerá, a partir de agora, previsões sobre os locais onde vão decorrer várias das provas olímpicas.

    Este apoio científico e técnico vai permitir aos atletas e treinadores conhecerem as previsões para os locais de competição sobre temperatura, humidade, precipitação, vento ou nebulosidade. O surf vai ser um dos principais desportos beneficiados com esta parceria, uma vez que também serão disponibilizados detalhes como previsão de altura, período e direção das ondas.

    O portal integra a informação climática em tempo real, mas também previsões horárias, de períodos de seis horas, semanais e mensais, assim como meteogramas (séries temporais) e em mapas espaciais e determinísticas e em probabilidade. Esta "ferramenta" resultou de uma iniciativa do COP, à qual o IPMA acedeu, integrando, para já, o calendário e os locais das várias modalidades com portugueses apurados para Tóquio’2020, que só acontecerá em 2021 devido à pandemia do coronavírus.

    "O desafio que foi colocado pelo COP pôs à prova a nossa capacidade de disponibilizar e integrar informação meteorológica qualificada para apoiar aqueles que nos irão representar nos Jogos Olímpicos em Tóquio. É para nós um motivo de orgulho poder participar neste esforço coletivo e de representação nacional", afirmou o presidente do IPMA, Miguel Miranda.

    O presidente do COP, José Manuel Constantino, agradeceu ao IPMA o "trabalho desenvolvido" e "colocado à disposição da missão portuguesa nos Jogos Olímpicos". "Conhecendo a realidade em Tóquio por ocasião dos Jogos Olímpicos em matéria de condições climatéricas, algumas delas fortemente condicionantes da prestação desportiva, esta é uma ferramenta essencial para atletas, treinadores e dirigentes conhecerem ao detalhe a realidade local”, frisou.

    O surf é um dos desportos em que Portugal já garantiu vaga, podendo ainda conseguir mais, dependendo da prestação no próximo Mundial ISA. Frederico Morais foi o responsável por esse apuramento português, depois de ter sido o melhor surfista europeu no Mundial ISA de 2019. Kikas tem, assim, praticamente assegurada a presença em Tóquio, podendo ser um dos atletas a tirar maior proveito desta nova ferramenta.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Jogos Olímpicos
  • Japão
  • Tóquio'2020
  • frederico morais
  • Surf
  • Comite olímpico Português
  • ipma
  • Previsões
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
fevereiro 08
Aviso amarelo de chuva alargado aos distritos de Lisboa e Setúbal
fevereiro 08
Condomínio privado vai nascer bem próximo de Ribeira d'Ilhas para 'atrair entusiastas de surf'
fevereiro 08
Fundo dinamarquês quer investir oito mil milhões de euros em energia eólica ao largo da Figueira da Foz
fevereiro 07
O tempo vai mudar esta quarta-feira: vem aí chuva em especial na região Sul
fevereiro 07
Seleção Nacional de Surf inicia operação Mundial ISA/Eurosurf com estágio em Peniche
fevereiro 07
Caparica recebe em março prova de qualificação para a Liga MEO Surf 2023
fevereiro 07
Cursos de Treinadores de Surfing Grau I/Surf Grau II da ASIP alargados a novos locais e já com inscrições abertas