Homepage

  • Há mais de 50 dias que Portugal não usa carvão para produzir eletricidade
    06 maio 2020
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • A pandemia de Covid-19 não tem relação direta com esta situação, exceto por exemplo na redução do consumo de eletricidade.
  • Em comunicado divulgado ontem, a associação ambientalista ZERO revelou que há mais de 50 dias consecutivos que Portugal não usa carvão para produzir electricidade nas centrais de Sines e Pego, sendo que a central de Sines está parada há mais de 100 dias.

    "Tal conduziu a uma redução inédita e sem precedentes das emissões de gases com efeito de estufa em Portugal", diz a ZERO no comunicado.

    Para os resultados divulgados, a associação ambientalistas recorreu aos dados das Redes Energéticas Nacionais (REN) relativos aos meses de março e abril de 2020, comparando-os com o período homólogo de 2019.

    Assim, a associação calcula um decréscimo de emissões de 960 mil toneladas (370 mil toneladas para o total de março e 590 mil toneladas para o total de abril).

    Nos mesmos dois meses houve ainda um aumento de 14,5% de fontes renováveis na produção de eletricidade, comparando com o mesmo período de 2019, passando de 62,6% para 77,1%, segundo a ZERO, que considera ainda "relevante" a quebra no consumo de eletricidade, que atingiu 12% comparando o mês de abril de 2020 com o mês de abril de 2019.

    Juntando todos os dados, a associação ambientalista estima que as emissões médias diárias de CO2 associadas à produção de eletricidade tenham descido das 28 mil toneladas/dia de março e abril do ano passado para 12 mil toneladas/dia nos meses de março e abril deste ano.

    No comunicado a ZERO ressalva que a pandemia de Covid-19 "não tem uma relação direta com estes resultados", exceto por exemplo na redução do consumo de eletricidade.

    A mesma entidade diz que tais resultados devem-se acima de tudo a uma consequência dos preços de mercado do carvão, dos custos associados às emissões e à competitividade, bem como da disponibilidade de outras alternativas, especialmente a eletricidade de fontes renováveis e as centrais a gás natural, mais eficientes que as centrais a carvão.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Portugal
  • Eletricidade
  • Carvão
  • Energia
  • Produção
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
setembro 20
Kanoa Igarashi, de vice-campeão mundial ISA à prata olímpica em casa
setembro 21
FPS lança a Semana do Surfing
setembro 21
Época balnear em Espinho prolongada até 26 de setembro
setembro 21
Save The Waves Film Fest Azores Tour chega ao Pico
setembro 20
Joana Schenker vai ajudar a limpar a Praia da Mareta
setembro 20
Finalíssima de Trestles foi o dia de competição mais visto de sempre em provas WSL
setembro 20
Inscrições reabertas para a etapa inaugural do Circuito de Surf do Ericeira Surf Clube