Homepage

  • Frederico Morais faz apelo a quem tem surfado na quarentena
    11 abril 2020
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    wsl
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Kikas lembrou ainda que os surfistas costumam ser um exemplo em vários assuntos, pelo que gostava que desta vez não fosse diferente.
  • Frederico Morais veio este sábado a público tomar uma posição e lançar um apelo a todos os surfistas que têm surfado durante o estado de emergência. Embora as leis sejam claras quanto à interdição das praias e à proibição da prática do surf, nos últimos dias têm-se multiplicado as imagens de dezenas de surfistas dentro de água em simultâneo, o que está a gerar grande controvérsia nas redes sociais. Dessa forma, o melhor surfista português da atualidade veio agora pedir para que todos sejam um exemplo e que fiquem em casa!

    Kikas dá, assim, mais uma vez o exemplo, depois de ter deixado de ir ao mar a partir do momento em que soube do adiamento dos Jogos Olímpicos do verão de 2020 para 2021, prova para a qual garantiu uma vaga. Para não passar a mensagem errada, o surfista de Cascais estava a surfar de madrugada e sozinho para preparar o início da temporada do WCT, mas assim que recebeu a notícia do adiamento das olimpíadas japoneses, onde o surf prepara a estreia, decidiu remeter-se totalmente a treinos em casa, mesmo podendo usufruir do estatuto excecional de ser atleta de alta rendimento.

    “Não quero dar sermões a ninguém, mas a verdade é que fico super triste por ver as notícias que tenho visto, sobre pessoas que andam a surfar”, começou por dizer Frederico, num testemunho publicado em vídeo nas redes sociais. “Percebo que seja um momento difícil, mas não há necessidade nenhuma disto. Todos queremos sair de casa, mas neste momento temos de trabalhar em conjunto, respeitar as medidas de segurança e dar o exemplo”, frisou.

    Apesar de esta situação estar a ter preponderância na sua preparação enquanto surfista e na carreira, Frederico Morais optou por não voltar à água enquanto esta situação de pandemia não estiver controlada. “Quando voltei da Austrália surfei duas vezes, fui chamado à atenção por isso e no dia em que se soube que os Jogos Olímpicos tinham sido adiados para 2021 decidi que não ia sair de casa durante a quarentena. Como podem calcular, não ir à água e não surfar tem um peso gigante a nível de performance, mas este é um momento muito mais importante do que isso”, garantiu.

    Kikas lembrou ainda que os surfistas costumam ser um exemplo em vários assuntos, sobretudo na forma como lidam com a natureza e a respeitam, pelo que gostava que desta vez não fosse diferente. “Costumamos ser sempre um bom exemplo, por isso não é agora que vamos levar isto para o lado negativo. Fiquem em casa e respeitem as regras, por favor. Boa Páscoa a todos”, concluiu o surfista que em 2020 está de regresso à elite do surf mundial.

    A verdade é que esta mensagem de Frederico Morais surge numa altura em que o clima entre surfistas anda muito tenso, sobretudo nas redes sociais, entre os que têm dado o exemplo e ficado em casa e aqueles que optam por diariamente ir contra as regas impostas pelo estado de emergência, ignorando o momento atual do país. Há mesmo quem tenho colocado nas redes sociais nomes de alguns surfistas que, supostamente, estão a furar a quarentena, estando entre eles alguns surfistas profissionais e treinadores de escolas de surf.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • frederico morais
  • Surf
  • quarentena
  • Coronavírus
  • Portugal
  • Fotografia
    wsl
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
maio 14
Câmara de Cascais começa época balnear este sábado
maio 14
ISA confirma realização do Mundial de El Salvador
maio 13
Ondas internas solitárias do mar têm mais impacto nos 'carneirinhos' do que o vento
maio 13
Governo confirma multas para quem violar regras das praias
maio 13
Perdeu a vida a cria de baleia-anã que encalhou no Tamisa
maio 13
Sete nomes que estão a marcar o arranque da Liga MEO Surf     
maio 13
Caça aos golfinhos e baleias vai ser proibida na Rússia