Homepage

  • FPKITE apresenta Plano ao Governo para retoma a 3 de maio
    24 abril 2020
    arrow
    arrow
  • A proposta do regresso à atividade engloba uma sessão diária de até 60 minutos e proíbe algomerados de convívio.
  • À semelhança do que sucede com o surfing, também o kite já tem o seu plano para a retoma da prática da modalidade a partir das 00h00 do dia 3 de maio, isto claro partindo do princípio que o atual período de estado de emergência, que termina às 23h59 do dia 2 de maio, não seja renovado.

    Como tal, a Federação Portuguesa de Kitesports enviou hoje uma carta a João Paulo Rebelo, secretário de estado da Juventude e do Desporto, bem como à Comissão Técnica da Agência Portuguesa do Ambiente que apresenta o Plano Geral de Retoma do Desporto de Kite

    O Plano propõe que seja reiniciada a prática desportiva, competitiva e a atividade económica das escolas de kitesports (kitesurf e landkite), "definindo a lista de diretivas dos novos regulamentos quanto às precauções sanitárias específicas do desporto contra a propagação do Covid-19".

    Na carta enviada, pode ainda ler-se que as "novas diretrizes foram discutidas e decididas pelas equipas de segurança, competição e ensino (Comisão Nacional de Escolas de Kite)".

    As diretrizes traçadas incidem sobre: 

    - retoma da prática de Kite - kitesurf e landkite;
    - ensino do kitesurf contra a propagação de Covid-19;
    - organização de competições e eventos desportivos de Kite.

    A FPKITE pretende assim que o desporto de kite e a sua comunidade possa voltar a voar nas praias portuguesas sob condições adaptadas à diminuição de risco de contágio do novo coronavírus.

    Em termos da prática do desporto (kitesurf e landkite), as diretrizes englobadas no plano são as seguintes: 

    1 – Fazer apenas 1 sessão diária de 60 minutos no máximo;

    2 - Na praia manter afastado o próprio kite dos outros kites ou equipamentos, pelo menos 5 metros;

    3 – No saco do kite manter sempre desinfetante alcoólico das mãos e máscara, para utilizar no entrar e sair da praia;

    4 – Cumprir com a regra de 10 kites a voar na água por cada 600 metros de linha de costa – entrar pelo corredor de navegação do kitesurf;

    5 – Não permanecer mais do que 10 minutos para montar/levantar e baixar/desmontar o kite;

    6 – Levar o equipamento a usar pronto a montar, já afinado e com manutenção atualizada;

    7 – A manutenção e revisão atualizadas do equipamento de kite inclui por exemplo os parâmetros: estanquicidade das válvulas e boias do kite, integridade do cabo de D-Power, linhas em boa condição, pronta função da segurança da barra sendo que material em mau estado será interditado;

    8 – Recomenda-se o colete de flutuação e capacete durante a prática do Kitesurf, principalmente para ondulação acima de 1,5 metros ou vento acima dos 18 nós e colete de impacto e capacete no Landkite;

    9 – Manter atualizado o conhecimento do mais recente Edital de Praia da Capitania correspondente.

    10 – No caso de um único sintoma de: febre, tosse, fadiga muscular, dores no corpo generalizada ou outro atribuído ao Covid-19 – não ir fazer kite!

    11 - Não partilhar qualquer tipo de equipamento durante a prática e não haver aglomerados de convívio;

    12 - Em caso de dúvida contactar diretamente os Delegados de Zona da FPKITE ou diretamente a FPKITE contactos em:

    www.fpkite.pt/www.apkite.pt

    Diretrizes para a organização de competições e eventos desportivos de kite:

    Esta é uma segunda fase do Plano de Retoma, que continua ainda em estudo pela Equipa Técnica de Competição para definir diretrizes para cada disciplina.

    1 - Aumentar o espaço delimitado de estacionamento dos kites dos atletas na área de competição;

    2 - Nas disciplinas de pontuação limitar as baterias a 4 riders;

    3 - Nas disciplinas de corrida limitar a competição a 20 riders e aumentar a área de sinalização das boias de competição;

    4 - Na área do palanque de Juízes delimitar cada membro da equipa técnica de Juízes por acrílicos transparentes;

    5 – Não fazer partilhar a licra de competição numerada/identificativa, que terá de ser oferecida ao rider para utilização durante todo o evento.

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Praia
  • Mar
  • Governo
  • Portugal
  • Federação Portuguesa de Kitesports
  • FPKITE
  • Plano
  • Secretário de Estado da Juventude e do Desporto
  • Retoma
  • Kitesurf
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
agosto 12
Vasco Ribeiro anuncia pausa na carreira
agosto 12
Banhos voltam a ser autorizados na Praia da Batata em Lagos
agosto 10
Buondi anuncia os vencedores das 7 cadeiras anfíbias Turtle
agosto 10
Dois animais marinhos devolvidos ao habitat natural ao largo de Aveiro
agosto 10
Água da Praia de Vila Praia de Âncora está imprópria para banhos
agosto 11
Estão proibidos os banhos na Praia da Batata em Lagos
agosto 11
Inscrições abertas para as últimas turmas do ano do curso de Treinadores de Surfing Grau I da ASI Portugal