Homepage

  • Mike Stewart: “É incorreto tirar as pessoas da água”
    23 março 2020
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    APB
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Ainda assim, Stewart admitiu que se fosse necessário conseguiria ficar afastado do oceano.
  • Mike Stewart concedeu este fim-de-semana uma entrevista ao jornal “Expresso”, onde aborda o assunto do momento: o coronavírus. A lenda do bodyboard mundial garante que tem mais medo dos efeitos que o vírus trará à sociedade e garante que o oceano é o melhor sítio para se estar nesta altura. A lenda havaiana falou mesmo do exemplo português e frisou que não é correto afastar as pessoas do mar.

    “Sinceramente, acho que o oceano é dos melhores sítios para se estar. Sei que, em Portugal, já estão a tirar pessoas da praia e acho que isso é incorreto. Não sei se o coronavírus sobrevive na água salgada, que até pode ser antissética neste tipo de coisas. A praia e o oceano são um bom escape para as pessoas desde que não se juntem e mantenham as distâncias”, comentou.

    Stewart esteve mesmo à conversa com a bodyboarder algarvia Joana Schenker sobre a situação portuguesa. “Disse-me que os centros comerciais estão abertos, mas as praias estão fechadas. Para mim, isto é uma loucura absoluta, é pensar ao contrário. Se as pessoas precisam de ir a algum sítio, que vão para o oceano. Esse é o meu conselho”, garantiu Mike Stewart.

    Sobre o Havai, que já acumula os primeiros casos, Mike Stewart diz que ninguém o impedirá de ir ao mar. “Há várias formas de ter acesso ao oceano, não temos que ir às maiores praias. Consigo e vou chegar ao mar, se tiver que ser, vou arranjar maneira. Não sei se vão fechar as praias, talvez as grandes, mas não podem fechar o oceano. O Havai está rodeado de água, não há maneira de conseguirem forçar ou policiar isso. Nem sei se o vão querer fazer”, frisou.

    Ainda assim, Stewart admitiu que se fosse necessário conseguiria ficar afastado do oceano. “Sim, conseguiria fazê-lo, sem dúvida. Provavelmente, conseguiria durante meses. Já o fiz antes. Tens de usar a mente, visualizar e puxar pelo poder da tua imaginação em formas que te possam ajudar”, aconselhou.

     “Não sei se preocupação é a palavra certa, mas, sim, estou um pouco preocupado com o impacto que terá nas pessoas que já vivem com dificuldades económicas, onde dependem de cada salário para colocar comida em casa e não têm qualquer tipo de almofada. Será muito difícil para elas, muitas pessoas serão afetadas por isto de forma pesada. Para mim, o impacto e a instabilidade que toda a situação pode causar na economia é o que mais me preocupa. Com o vírus em si, não estou assim tão preocupado”, defendeu o histórico bodyboarder.

    Leia aqui a entrevista na íntegra. 

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Mike Stewart
  • Havai
  • Portugal
  • Joana Schenker
  • Coronavírus
  • Fotografia
    APB
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
dezembro 02
Avistadas caravelas-portuguesas em diversas praias do continente e nos Açores
dezembro 02
Seleção Nacional de Surf Adaptado já partiu rumo ao Mundial de Pismo Beach
dezembro 02
Matosinhos Surf School Cup segue para a Praia de Matosinhos
dezembro 02
Está de volta o Circuito de Bodyboard da Ericeira!
dezembro 01
The Eddie Aikau Invitational está de regresso já este inverno!!!
novembro 29
Surf português chora perda de 'Dapin'
novembro 29
Dapin homenageado quarta-feira em Carcavelos