Homepage

  • Escola de Surf da Figueira contorna quarentena com aulas online
    31 março 2020
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Facebook iSurf Figueira
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • As aulas contam com turmas de alunos dos cinco aos 18 anos, separados por diferentes classes.
  • Por força da pandemia do novo coronavírus são vários os setores que têm vindo a ser afectados por este terrível vírus que veio mudar por completo o nosso quotidiano. 

    A indústria do surf não é excepção, pelo que os seus 'players' são forçados a alterar comportamentos e a encontrar soluções nestes dias tão conturbados. E foi precisamente isso que fez a iSurf Figueira da Foz. 

    Devido à pandemia do novo coronavírus e consequentes restrições nos acessos às praias do país, a iSurf Figueira foi forçada a fechar as suas portas por tempo indefinido. Uma situação que priva os alunos do contacto com o mar, mas que a escola de surf rapidamente arranjou de contornar. E como?

    Fazendo os seus alunos terem aulas à distância, naquela que é uma forma de ajudar os mesmos a matarem as saudades do mar. 

    "Os miúdos estão com saudades do mar, pedem para ir ver o mar, para fazer surf, mas como nesta fase não é possível, decidimos conectar com eles. Se não existe possibilidade de ir ao mar, trazemos o mar e o espírito do mar e do surf para dentro de casa", disse, à agência noticiosa Lusa, Eurico Gonçalves, elemento ligado à iSurf Figueira.

    A escola fechou voluntariamente mal se aperceberam da "gravidade da situação", há cerca de três semanas. "Percebemos que os miúdos iriam ter um afastamento prolongado do mar e isso deixou-nos desconfortáveis", contou Eurico.

    Assim que descobriram formas de fazer videoconferência, decidiram retomar as aulas, contando com turmas de alunos dos cinco aos 18 anos, separados por diferentes classes.

    "Tem sido muito interessante. Primeiro matamos as saudades dos miúdos e eles matam um bocadinho as saudades do mar", explica Eurico, referindo que alguns, nas primeiras aulas, até decidiram vestir os fatos de surf.

    Nas aulas, os exercícios que fariam em cima da prancha na areia, são feitos no chão.

    "Conversamos também sobre o que se está a passar e num dos exercícios de respiração pedimos para fecharem os olhos e imaginarem que estão debaixo de água, como se estivessem fechados momentaneamente. Mas, depois vimos ao de cima e tudo fica bem e apanha-se mais uma onda e fica tudo resolvido", salienta Eurico Gonçalves.

    Gustavo, com sete anos, está a ter aulas há cerca de um ano e, sendo da Figueira da Foz, basta olhar-lhe pela janela para ver o mar, "logo ali ao lado"."Todos os dias está bom para surfar aqui", nota o aluno, que admite ter "muitas saudades" do mar.

    Já Tomás Garcia, de nove anos, que tem aulas há mais de quatro anos, diz que a experiência das aulas à distância "está a ser fixe", sendo também uma oportunidade para rever os amigos.

    "É muito diferente de praticar os exercícios na areia", nota Laura, de 11 anos. Já Santiago, de nove anos, realça que "é melhor ter em casa do que não ter".

    "Está a ser fixe e aprendemos a corrigir erros e a aprender melhor a posição na prancha", afirma Tomás Espada, de dez anos, que diz que "agora é esperar e ter calma".

     

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Praia
  • Mar
  • Surf
  • Portugal
  • Covid-19
  • Coronavírus
  • quarentena
  • iSurf Figueira da Foz
  • Figueira da Foz
  • Fotografia
    Facebook iSurf Figueira
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
maio 27
Revelados os limites de lotação das praias do Algarve, Tejo e Oeste
maio 27
Câmara de Lisboa retoma recolha seletiva de resíduos porta a porta a 1 de junho
maio 27
PSP inativou engenho explosivo junto à Praia do Furadouro
maio 27
Está ativada a Estação Salva-vidas de Quarteira
maio 27
MEO Beachcam expande rede de live cams à Praia de Melides
maio 22
Praia do Meco já tem Live Cam do MEO Beachcam
maio 27
Época balnear abre a 27 de junho na Póvoa de Varzim
pub