Homepage

  • Júnior Martim Nunes passa temporada com Italo Ferreira (ENTREVISTA)
    19 fevereiro 2020
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    DR Martim Nunes
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • A estadia, que começou por ser de 15 dias, mas que se vai prolongar durante um mês, até final de fevereiro.
  • Martim Nunes é uma das grandes esperanças do surf nacional e, apesar de ainda ser Sub-16, é um dos jovens da nova geração que mais tem dado nas vistas nos últimos tempos. Recentemente, viajou para a pequena cidade de Baía Formosa e juntou-se ao campeão mundial em título e amigo Italo Ferreira. Uma ligação muito próxima, que se iniciou em Portugal, durante a etapa do WCT.

    A estadia, que começou por ser de 15 dias, mas que se vai prolongar durante um mês, até final de fevereiro, graças a uma surpresa feita por Italo ao amigo português, depois de lhe adiar a viagem de regresso, tem sido bastante proveitosa, uma vez que Martim tem surfado bastante com o surfista brasileiro nas ondas locais. A amizade entre ambos é cada vez maior e Martim Nunes até já ficou loiro como o campeão mundial – obra da autoria da namorada de Italo.

    O Beachcam esteve à conversa com Martim Nunes, que no currículo já conta com o título nacional Sub-14 em 2018 e o vice-título nacional Sub-16 no ano passado, para saber mais sobre este “estágio” com o campeão mundial em título e sobre a carreira deste jovem promissor.

    Beachcam – Como surgiu esta possibilidade de passares umas férias com o Italo Ferreira? Como nasceu a vossa amizade?

    Martim Nunes - Esta possibilidade surgiu em Portugal, quando ele me convidou para vir para Baía Formosa. Conheci o Italo em Portugal, através de dois dos seus melhores amigos. Fiquei com ele e com a restante crew durante a etapa do CT em Peniche e, desde, aí a nossa amizade e cumplicidade foi crescendo. Hoje-em-dia damo- nos muito bem!

    B – Tens aproveitado para aprender e evoluir com o campeão mundial?

    MN – Sim. Receber conselhos de surfistas mais velhos e experientes é bastante bom! E eu sou muito agradecido por isso e esforço-me ao máximo para ouvir o que eles dizem e por em prática essas dicas.

    B – O nível de surf aí é muito alto? Sentes que tem puxado pela tua evolução?

    MN - O nível aqui em Baíaa Formosa é bastante bom! Os miúdos já fazem surf desde muito novos e passam horas e horas dentro de água. Apesar de ser uma zona pequena tem sempre imensas pessoas na água. Embora sinta que o nível não seja mais alto que em Portuga, obviamente que estas sessões puxam muito pela minha evolução.

    B - Conta-nos um pouco como é que o surf entrou na tua vida e quando nasceu esta paixão?

    MN - O surf apareceu na minha vida de uma forma muito positiva. Quando era pequeno pedi uma prancha aos meus pais e, pronto, aí começou tudo.

    B - Sentes que está numa fase de transição na tua carreira e que pode ser decisiva para o futuro?

    MN – Sim, estou a entrar numa fase boa da minha carreira, a viver experiências novas e acho que este é um ano para tudo correr bem.

    B – Quais os teus grandes objetivos futuros no surf?

    MN - Quero chegar o mais longe possível, com um único objetivo: ser campeão do Mundo! Mas até lá tenho de continuar a trabalhar e treinar cada vez mais, pois só assim se consegue atingir resultados! Foco, trabalho e muita dedicação.

    B – Tens mais viagens programadas para este ano?

    MN - Sim, em princípio irei novamente às Mentawai com os meus treinadores. Para já, é o que está definido. No entanto, outras viagens poderão surgir.

    B – Sentes que este ano estás pronto para dar nas vistas na Liga MEO Surf e no pro Júnior Europeu e que as pessoas vão ouvir falar ainda mais do teu nome?

    MN - Quero que as pessoas estejam atentas ao meu nome, da mesma forma que o têm feito até agora. Eu e os meus treinadores temos trabalhado muito na minha evolução, por isso vou dar o meu máximo, como dou sempre, de forma a conseguir alcançar o melhor resultado em todas as competições.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • italo ferreira
  • Martim Nunes
  • Baía Formosa
  • Brasil
  • Fotografia
    DR Martim Nunes
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
outubro 18
Voluntários recolheram 28 kg de lixo na limpeza da duna da Cresmina e áreas envolventes
outubro 18
Os números do evento principal do Ericeira WSR+10
outubro 18
Bodyboarders profissionais homenagearam o malogrado Tom Morey
outubro 18
Há mais de 3 mil toneladas de plástico a flutuar no Mar Mediterrâneo
outubro 15
Fim de semana chega com tempo mais cinzento e regresso da chuva nas regiões Norte e Centro
outubro 15
Recolhidos 10 kg de lixo marinho na Praia do Samouco (Galeria Fotos)
outubro 15
Nasceu a Matosinhos Surf School Cup: a nova competição para as escolas de surf do concelho