Homepage

  • Coronavirus coloca estreia olímpica do surf em risco
    27 fevereiro 2020
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Até 9 de agosto mais de 11 mil atletas deverão lutar pela medalha de ouro em diversas modalidades. O surf é uma das modalidades estreantes.
  • O Coronavirus continua a galgar barreiras por todo o Mundo, fazendo soar alarmes em vários países e organizações. O vírus originário da China pode, inclusivamente, colocar em risco a realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio’2020, no próximo verão. Dessa forma, também ficaria em suspenso a estreia olímpica do surf.

    O Comité Olímpico Internacional, entidade máxima do olimpismo, já se manifestou sobre esta epidemia que já matou milhares de pessoas em cerca de um mês, revelando que existe a possibilidade de os Jogos de Tóquio, no Japão, não se realizarem, caso o coronavirus se torne numa pandemia e continue a expandir-se de forma brutal.

    Dick Pound, o membro mais antigo do COI, concedeu uma entrevista à agência Associated Press onde abordou o assuntou. Sem entrar em alarmismo, Pound, que é membro do organismo desde 1973, admitiu que a situação vai ser estudada nos próximos três meses e que no final de maio haverá uma decisão sobre a realização ou não das olimpíadas.

    “Isto é uma nova guerra e temos de enfrentá-la”, começou por dizer Pound. “Uma série de coisas vão começar a acontecer. Temos de começar a aumentar a segurança, sobre a comida, os hotéis, tudo”, frisou o responsável do COI, admitindo que se a epidemia não ficar controlada nos próximos meses, “estaremos provavelmente perante um cenário de cancelamento” dos Jogos Olímpicos de Tóquio’2020.

    Os Jogos da era moderna iniciaram-se em 1896 e, desde então, apenas foram cancelados devidos às grandes guerras mundiais. Além disso, houve algumas edições que sofreram boicotes por parte de alguns países e em 1940 Tóquio não realizou os Jogos, que foram mudados para Helsínquia, na Finlândia, devido também a uma situação de guerra.

    Ainda assim, Pound encoraja os atletas a continuarem a treinar tendo em vista a participação nos Jogos, cujo arranque está marcado para 24 de julho. “Nesta fase, todas as indicações são as de que tudo vai acontecer como sempre. Portanto, os atletas podem continuar focados nos seus treinos, porque o COI, certamente, não os vai enviar para um cenário de pandemia”, rematou.

    Até 9 de agosto mais de 11 mil atletas deverão lutar pela medalha de ouro em diversas modalidades. O surf é uma das modalidades estreantes, após anos de luta para se tornar num desporto olímpico. Irá mesmo ser uma realidade ou terá de esperar por Paris’2024?

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Jogos Olímpicos
  • Tóquio'2020
  • Japão
  • Surf
  • Coronavirus
  • COI
  • China
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
fevereiro 01
Surf nacional lamenta perda de Pedro Lacerda
fevereiro 03
Lucas Fink, de Ipanema para as ondas grandes da Nazaré com a prancha de skimboard: 'Se o teu sonho não te dá medo, não estás a sonhar alto'
fevereiro 03
Sol e temperaturas acima dos 20ºC no primeiro fim de semana de fevereiro
fevereiro 03
Está a chegar o Circuito Regional de Surf do Sul 2023!
fevereiro 02
Tempo frio ainda deixa três distritos sob aviso amarelo
fevereiro 02
Praia da Empa coroou vencedores do Science Ericeira 2022
fevereiro 01
FUEL TV assegura transmissão do Winter Dew Tour 2023 à escala global