Homepage

  • Sari Ohhara sagra-se campeã do mundo de bodyboard
    16 outubro 2019
    arrow
    arrow
  • Bodyboarder japonesa garantiu, em El Frontón, o seu primeiro título de campeã do mundo.
  • Pelo segundo ano consecutivo o Japão é o país do qual é proveniente a campeã do mundo de bodyboard. Depois de Ayaka Suzuki em 2018, agora foi Sari Ohhara a atingir, pela primeira vez na sua carreira, o topo do bodyboard mundial.

    A coroação chegou, esta tarde, durante o terceiro de dia de competição do Gran Canaria Fronton King, evento que encerra a temporada de 2019 do Circuito Mundial de Bodyboard nos setores masculino e feminino, tendo como palco o gigante El Frontón (Gáldar). 

    Porém Ohhara, que já liderava o campeonato à chegada às Canárias, só cantou vitória após sofrer a bom sofrer. Isto porque nos quartos-de-final foi eliminada pela local e antiga campeã do mundo, Alexandra Rinder.

    Depois teve de esperar, fora de água, para ver o que fazia Ayaka Suzuki no seu heat contra a bicampeã da Europa, Isabela Sousa. Apesar da vantagem inicial no heat, Suzuki acabou por sair derrotada do confronto com a atleta brasileira radicada em Portugal. Desta forma, Ayaka entregou automaticamente as faixas de campeã a Sari Ohhara. Suzuki para chegar ao título teria sempre de fazer melhor do que a sua compatriota no El Frontón.

    Depois de garantir o ceptro mundial, Sari Ohhara não escondeu a emoção e chorou durante largos minutos.

    "Não consigo dizer nada, nem descrever o que aconteceu. Comecei a surfar aos 16 anos e de então para cá, nos últimos nove anos, perdi em muitas ocasiões. Só que este ano algo aconteceu comigo, pelo que senti que tinha capacidade para ganhar o Mundial. Este título é dedicado a todos aqueles que sempre estiveram ao meu lado. Família, amigos e patrocinadores", disse a nova campeã do mundo.

    O dia de competição no setor feminino ficou ainda marcado pela eliminação da portuguesa Joana Schenker face à chilena Paloma Freyggang bem como pela saída de cena da consagrada Neymara Carvalho. A pentacampeã do mundo perdeu o seu heat face à local Teresa Miranda. 

    Com Isabela Sousa, Alexandra Rinder, Paloma Freyggang e Teresa Miranda nas meias-finais  do Gran Canaria Fronton King é garantido que teremos, em 2019, quatro provas com quatro diferentes vencedoras. Sinónimo da muita competitividade e equilíbrio que pauta a elite do bodyboard mundial no setor feminino. 

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Bodyboard
  • Circuito Mundial de Bodyboard
  • Espanha
  • El Frontón
  • Canárias
  • Sari Ohhara
  • Gran Canaria Fronton King
  • APB World Tour
  • Praia
  • Mar
  • Ayaka Suzuki
  • Joana Schenker
  • Fotografia
    APB Tour
  • Fonte
    Redacão
similar News
similar
setembro 28
Kelly Slater salvou estrela de cinema em torneio de golfe
setembro 28
Save The Waves Film Fest Azores Tour está de regresso a São Miguel
setembro 27
David Raimundo e a aventura de Vasco em Huntington Beach: 'Queríamos mais'
setembro 27
Praia da Aguçadoura coroou os campeões nacionais de bodyboard esperanças competição de 2021
setembro 27
10 anos depois, o Circuito Nacional de Bodyboard está a caminho dos Açores
setembro 27
Ericeira WSR+10 promove curso sobre surfing e sustentabilidade
setembro 24
Nunca houve tantas mulheres no circuito nacional como em 2021!